publicidade

Sormani

Ex-ponta do Santos e Milan
Angelo Benedito Sormani, o Sormani, ex-ponta direita do Santos na década de 60 (foi indicado por Pelé e chegou em 1959 na Vila), hoje vive em Roma, na Itália, no nobre bairro de Eur.
Nascido em Jaú (SP), onde se casou com a jausense Julieta, Sormani começou a carreira no XV de Novembro local e teve o passe vendido para o Mantova, da Itália, depois de passar pela Vila Belmiro. Na Vila, antes de rumar para o Mantova, Sormani brigava pela camisa 7 com o gaúcho Dorval.
O melhor momento de Sormani no futebol italiano e em toda a sua carreira, aconteceu na final da Copa Européia de clubes campeões de 69. Naquele jogo decisivo e único em Bruxelas, o Milan, o time de Sormani, goleou o Ajax, da Holanda, por 4 a 1, com dois gols do ex-jogador santista. O grande Cruijff era reserva no time do Ajax e entrou na segunda etapa, quando o jogo já estava decidido. "Ele era um menininho loirinho, muito magro e que entrou assustadíssimo nos minutos finais", disse Sormani à Milton Neves na concentração da Roma, em 1989, na Cidade Eterna.
Além de Mantova e Milan, Sormani também atuou em outras equipes italianas, dentre elas o Napoli. Um dos filhos de Sormani, com o mesmo nome de guerra "Sormani", atuou nas categorias de base do Milan e da Seleção Italiana de novos, ao lado do lateral-esquerdo Paolo Maldini, que foi titular da Azurra por "séculos".

Na Terra da Bota

Na Itália, Sormani defendeu também a Roma. E em 1988 e 1989 ele foi coordenador ou gerente esportivo da Roma, função hoje no Brasil desempenhada por Marco Aurélio Cunha, no São Paulo, ou de Leonardo, no Milan, da Itália.
    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      80
    • 2 Fla
      72
    • 3 Int
      69
    • 4 Grê
      66
    • 5 São
      63
    • Veja tabela completa
    publicidade

    ÚLTIMOS CRAQUES