publicidade

Abelha

Ex-goleiro da Ferroviária, São Paulo e Flamengo
por Rogério Micheletti
 
João Batista Lopes Abelha, o Abelha, ex-goleiro da Ferroviária (SP), do São Paulo do Flamengo e do ABC-RN, nos anos 80, mora em Sorocaba (SP), trabalhou como treinador do São Bento, foi diretor do Figueirense e voltou a dirigir o São Bento, em 2006.
 
No mesmo ano, ele também trabalhou no Atlético de Sorocaba e acertou com o Remo, do Pará, em maio.
 
Em 2007, retornou ao São Bento contratado para substituir Freddy Rincón, mas logo deixou o clube de Sorocaba, já que não conseguiu livrar o time do rebaixamento do campeonato paulista.
 
No começo de 2008, ele foi contratado pelo Figueirense para o cargo de superintendente técnico das divisões de base.
 
Em 2012, Abelha assumiu o comando técnico do Capivariano, clube tradicional do município de Capivari, vizinha da grande Sorocaba.
 
Em 28 de fevereiro de 2012 ficou viúvo. Sua esposa, Ana, morreu em um acidente automobilístico na rodovia Castello Branco, na região de Araçariguama, interior de São Paulo. Ele era dona do ateliê Ana Abelha Doces, em Sorocaba.
 
Pai de duas filhas, Abelha começou a carreira na Ferroviária de Araraquara em 1981, onde se destacou e permaneceu até 1983. Passou pelo Flamengo em 1983 e foi contratado pelo São Paulo, junto com o centroavante Marcão, em 1984, ano em que o time do Morumbi passava a ser comandado pelo técnico Cilinho.
 
No Tricolor, Abelha disputou posição com Barbirotto, após Waldir Peres deixar o clube. Não vingou na equipe do Morumbi e foi para o São Bento.
 
Com a camisa são-paulina, entre os anos de 1984 e 1985, Abelha disputou 31 partidas (13 vitórias, 10 empates e 8 derrotas). Já pelo rubro-negro da Gávea, o arrojado goleiro atuou apenas nove partidas, sendo cinco vitórias e quatro derrotas. Incrível! Abelha não empatou pelo Fla.
 
Trabalhos em comissões técnicas

Como técnico, Abelha também dirigiu o Amparo, o Capivariano, o Independente de Limeira e o Barretos, todas equipes do interior paulista. Fora do país, o ex-jogador da Ferroviária, São Paulo e Flamengo trabalhou como preparador de goleiros do Kashima Antlers (do Japão - com o técnico Zico), da Seleção Japonesa (com o técnico Falcão) e auxiliar técnico de Nelsinho Baptista no Colo Colo do Chile.
    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      80
    • 2 Fla
      72
    • 3 Int
      69
    • 4 Grê
      66
    • 5 São
      63
    • Veja tabela completa
    publicidade

    ÚLTIMOS CRAQUES