publicidade

Neca

Ex-meia do Grêmio, Corinthians e São Paulo
por Rogério Micheletti e Breno Menezes

Antônio Rodrigues Filho, o Neca, nascido no dia 15 de abril de 1950, mora em Rio Grande (RS), sua cidade natal, onde é coordenador em escolinhas de futebol.

O meia-atacante Neca se destacou jogando no Grêmio e foi negociado para o Corinthians em 1976, ano em que o Timão foi vice-campeão brasileiro. Depois de passar pelo Parque São Jorge, Neca atuou no Cruzeiro, no São Paulo (participou do título brasileiro de 1977) e no América do Rio.

No Tricolor, Neca jogou entre 1977 e 1979 103 vezes, com 45 vitórias, 32 empates, 26 derrotas e 27 gols marcados, segundo números do "Almanaque do São Paulo", de Alexandre da Costa. Neca jamais foi um jogador desleal, pelo contrário. Mas quando vestia a camisa tricolor, na final do Brasileirão de 77, envolveu-se em uma dividida com o meia Ângelo, do Atlético Mineiro. O atleta do Galo fraturou a perna. Muita gente pensa que foi o saudoso Chicão quem dividiu com Ângelo, mas foi Neca quem promoveu o ato. Chicão deu só uma "pisadinha" depois.

No Timão, atuou em 1976 em 22 jogos, com 13 vitórias, quatro empates, cinco derrotas e 10 gols marcados, segundo dados do "Almanaque do Corinthians", de Celso Unzelte. Seu momento marcante pelo alvinegro foi na semifinal do Brasileiro de 76. Ele estava presente naquele jogo disputado no Maracanã, dia 5 de dezembro de 1976, a data da invasão da "Fiel" ao Maracanã.

Pela Seleção Brasileira, Neca disputou o torneio bi-centenário dos Estados Unidos, convocado pelo técnico Oswaldo Brandão. Foram apenas cinco partidas: quatro vitórias e uma derrota. Neca fez um gol pela seleção brasileira contra a Argentina, dia 19 de maio de 1976, como consta no livro "Seleção Brasileira 90 anos", de Roberto Assaf e Antonio Carlos Napoleão.

Veja abaixo a descrição de alguns gols de Neca:

29/11/1975 - MORUMBI - SÃO PAULO 1 X 2 GRÊMIO
Duelo de tricolores em 75. O Gaúcho surpreende o Paulista em pleno Morumbi. Nenê cruza, a bola passa pelo meia-esquerda Yura, do Grêmio, e pelo zagueiro Paranhos, do São Paulo, e sobra para Neca encher o pé, sem chances para o goleiro são-paulino Waldir Perez.

17/11/1976 - PACAEMBU - CORINTHIANS 2 X 0 PONTE PRETA
Neca com a camisa do Timão. O centroavante Geraldão arranca pela esquerda e inverte jogo para o ponta-direita Vaguinho que domina e cruza para Neca tocar firme de cabeça encobrindo o goleiro Moacir Cachorrão.
    ver mais notícias
    ver mais Áudio
    Pela seleção, foram apenas cinco jogos: quatro vitórias e uma derrota. Neca fez um gol pela seleção brasileira contra a Argentina, dia 19 de maio de 1976, como consta no livro "Seleção Brasileira 90 anos", de Roberto Assaf e Antonio Carlos Napoleão.

    No Timão, atuou em 1976 em 22 jogos, com 13 vitórias, quatro empates, cinco derrotas e 10 gols marcados, segundo dados do "Almanaque do Corinthians", de Celso Unzelte.

    No Tricolor, Neca jogou entre 1977 e 1979 103 vezes, com 45 vitórias, 32 empates, 26 derrotas e 27 gols marcados, segundo números do "Almanaque do São Paulo", de Alexandre da Costa.

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade -->
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      71
    • 2 Fla
      66
    • 3 Int
      65
    • 4 Grê
      62
    • 5 São
      62
    • Veja tabela completa

    ÚLTIMOS CRAQUES