publicidade

Jair Ventura

Ex-atacante e treinador

por Kelly Bruna Ferreira

Jair Zaksauskas Ribeiro Ventura, o Jair Ventura, atuou como atacante e foi treinador do Botafogo-RJ entre 2016 e 2017. Em 6 de setembro de 2018, após uma passagem frustrada pelo Santos, o técnico foi foi anunciado como novo comandante do Corinthians, permanecendo no clube até o dia 3 de dezembro do mesmo ano, quando a diretoria anunciou sua demissão. O Corinthians terminou o Campeonato Brasileiro na 13ª posição, a dois pontos da zona do rebaixamento.

Nascido em  19 de março de 1979, no Rio de Janeiro, é filho do Jairzinho, Furacão da Copa de 70.

Chegou a pensar em uma carreira distante dos gramados e foi aprovado no vestibular para cursar direito. Mas, optou por seguir o mesmo caminho do pai e se tornou jogador de futebol.  Formado na base do São Cristóvão, também defendeu o Bonsucesso, Bangu, Mesquita, América e Madureira. No exterior teve passagens pelo futebol francês, grego e até gabonês. A trajetória profissional na África se deu por acaso, quando foi visitar o pai, Jairzinho, que então treinava a seleção local e recebeu um convite para jogar no TP Akwenb. Tentou se naturalizar para defender o Gabão na Copa do Mundo de 2006, mas o país não conseguiu se classificar para o Mundial, durante a Eliminatória Africana.

Encerrou a carreira como atleta em 2006, devido a problemas nos joelhos, mas nunca se afastou do esporte. Fez um curso de treinador e depois se formou em Educação Física.

Chegou no Botafogo em 2008 como  o quarto auxiliar de preparação física, na época em que o clube era dirigido pelo técnico Cuca.  Apesar da função, Jair sempre se interessou pela parte tática do futebol e passou a fazer os scouts dos jogos. No ano seguinte, foi promovido, por Ney  Franco, a auxiliar técnico permanente do clube.

Estreou oficialmente no comando do Glorioso como treinador interino, em janeiro de 2010, quando venceu o Tigres do Brasil, por 2 a 1, em São Januário, pelo Campeonato Carioca. Na época, substituiu Estevam Soares e teve apenas três dias para trabalhar com a equipe antes do confronto. Com a chegada do Joel Santana, voltou ao posto de assistente técnico e com o tempo assumiu o Sub-20, com o qual se tornou campeão invicto da Spax Cup, disputada na Alemanha. Com a equipe principal fez parte do elenco que conquistou os Estaduais de 2010 e  2013.

Foi demitido em 2013, pelo ex-presidente Mauricio Assumpção, e teve uma curta passagem pelo CSA. Desembarcou novamente no Botafogo, em 2015, em meio a disputa da Série-B.  Em agosto do ano seguinte, foi efetivado como treinador do Botafogo, substituindo Ricardo Gomes, que havia acertado com o São Paulo Futebol Clube.  No mesmo ano, foi responsável por uma grande arrancada do time - levou o Botafogo da zona de rebaixamento à classificação na Libertadores da América. Como reconhecimento do trabalho foi eleito o "técnico revelação" do Brasileirão de 2016 e, ao fim da temporada, renovou o vínculo com o clube por mais dois anos - até 2018.

Em 22 de dezembro de 2017 anunciou sua saída do Botafogo para dirigir o Santos Futebol Clube. Porém, o anúncio oficial por parte da diretoria santista só aconteceu em 3 de janeiro de 2018. A passagem pelo time da Vila durou até o dia 23 de julho daquele ano, quando foi demitido. 

Abaixo, confira as participações de Jair Ventura e de Jairzinho no “Domingo Esportivo” do dia 7 de janeiro de 2018:

 

    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      80
    • 2 Fla
      72
    • 3 Int
      69
    • 4 Grê
      66
    • 5 São
      63
    • Veja tabela completa
    publicidade

    ÚLTIMOS CRAQUES