publicidade

Francisco Carregal

O primeiro jogador negro do Brasil

mmmFrancisco Carregal foi o primeiro jogador negro a disputar uma partida de futebol no Brasil.
Filho de pai português de pele branca e mãe brasileira, negra, o ex-atacante defendeu o Bangu. Depois de encerrar a carreira, o pioneiro se tornou tesoureiro do clube.
Na foto ao lado, de 14 de maio de 1905, ele é o único brasileiro do time.
Na época, o Bangu contava com cinco ingleses (Frederick Jacques, John Stark, William Hellowell, William Procter e James Hartley), três italianos (Cesar Bochialini, Dante Delocco e Segundo Maffeu) e dois portugueses (Francisco de Barros e Justino Fortes).
Naquele dia, a equipe do subúrbio derrotou o aristocrático Fluminense por 5 a 3. A partida foi disputada no jardim da Fábrica de Tecidos Bangu, que deu origem ao bairro carioca.
Vaidoso, ele era o atleta mais bem vestido da equipe. Segundo historiadores, Francisco avaliava que o cuidado com a aparência evitaria o preconceito dos companheiros.
A presença de Carregal gerou protestos entre os adversários. Em 1907, a Liga Metropolitana proibiu a presença de atletas negros nos times. Revoltado, o Bangu se desligou da entidade.
Legenda da foto:a partir da esquerda, última fila: José Villas Boas (presidente), Frederick Jacques e João Ferrer (presidente honorário); fila do meio: César Bochialini, Francisco de Barros, John Stark, Dante Delocco e Justino Fortes; fila da frente: Segundo Maffeu, Thomas Hellowel, Francisco Carregal (o negro pioneiro), William Procter e James Hartley

ver mais notícias

Selecione a letra para o filtro

publicidade
  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa
publicidade

ÚLTIMOS CRAQUES