publicidade

Fernando Vannucci

Apresentador de TV
por Marcelo Rozenberg

Uberabense e botafoguense nascido em 05 de março de 1951, Fernando Vannucci é um dos rostos mais conhecidos da televisão brasileira graças à Rede Globo, onde permaneceu por décadas. Na emissora carioca, apresentou vários programas esportivos e desfiles de Carnaval. Aumentou sua fama ao desfilar com algumas das mais belas e desejadas mulheres da cena brasileira, muitas das quais ilustraram páginas centrais de revistas masculinas. Em 2003 ingressou na Rede TV, onde apresentou aos domingos o programa "Bola na Rede", até 2011.
 
Desde agosto de 2014 é responsável pelas colunas de esporte da Rede Brasil de Televisão, principal jornal da emissora sul-matogrossense, que tem estúdios em São Paulo

Começou a carreira em Uberaba na Rádio Sociedade Triângulo Mineiro. Passou depois pelas rádios Sete Colinas e Inconfidência até chegar, aos 20 anos, à Rede Globo, inicialmente em Minas Gerais, depois no Rio de Janeiro. Comandou a transmissão de programas como Globo Esporte, Esporte Espetacular, Jornal Nacional, Jornal Hoje, Fantástico além do saudoso Gols do Fantástico.

Ao sair da Globo, trabalhou na Bandeirantes e Record até chegar à Rede TV.
 
No dia 31 de agosto de 2011, o experiente apresentador informou a coluna de Flávio Ricco, do portal UOL, que deixava à Rede TV após sete anos de trabalho. 
 
Na madrugada de 29 de setembro de 2016, durante entrevista a Danilo Gentili, no programa "The Noite", do SBT, falou sobre sua saída da Rede Globo, entre outros assuntos. O UOL publicou matéria a respeito, que segue abaixo, na íntegra:
 
Fernando Vannucci desabafa no SBT: "Me arrependo de ter saído da Globo"
 
Completando 50 anos de carreira, 26 deles na Rede Globo, Fernando Vannucci falou sobre sua trajetória nesta madrugada em participação no ""The Noite", talk show de Danilo Gentili no SBT. Atualmente na Rede Brasil de Televisão, o apresentador que ficou famoso pelo bordão "Alô, você" nas décadas de 80 e 90 admitiu seu maior arrependimento: ter deixado a principal emissora do país.

"Eu me arrependo muito de ter saído da Globo", desabafou, emocionado. "Não sou de ficar me arrependendo de coisas, não. As coisas acontecem na vida da gente porque têm que acontecer”, disse Vannucci.

“Eu [que saí]. O Boni tinha deixado a Globo e no lugar entrou a Marluce [Dias]. Eu me sentia muito desprestigiado, com 26 anos de casa, mal, por outras questões. Enfim, ela me chamou, `vamos conversar, não vou deixar sair´e tal. Houve o probleminha da bolacha", recordou o apresentador sobre 1998, quando foi flagrado ao vivo comendo uma bolacha e foi mandado para a chamada "geladeira".

"Não estava comendo, estava engolindo. Apresentava o `Esporte Espetacular´ com a Mylena Ciribelli e achei que, na volta da matéria que estava no ar, iam cortar para ela. A gente fazia esse lanchinho todo domingo no estúdio. Aí fiquei na geladeira, me botaram pra fazer, como um castigo de menininho, o bloco de esportes do `Bom Dia Rio´, tendo que chegar na TV às 4h3", continuou.

"Tudo bem, ia toda manhãzinha. Depois, tirei férias e estava em João Pessoa quando toca meu telefone e era um amigo meu do esporte: `estamos vendo uma luz no fim do túnel pra você´. Achei engraçado aquilo. "É que o Carnaval [de 1999] está chegando e querem você para narrar o Carnaval". Voltei e fiz, e acho que foi das grandes transmissões que eu fiz de Carnaval, não sei se a melhor, mas a que eu caprichei mais”.

“Fiz [transmissão da] apuração, normal. Chega na sexta-feira e recebo uma intimação da Globo cobrando a multa contratual. Levei o maior susto”, contou.

Vannucci deixou a Globo pouco depois do incidente com a bolacha, em 1999. Pela emissora, onde começou a trabalhar em 1973, cobriu seis Copas do Mundo e cinco Olimpíadas, além de participar da transmissão do Carnaval entre 1985 e 1999. Após deixar a emissora, trabalhou na Band, Record e RedeTV.

""Não [guardo mágoas], morro de saudade das pessoas. Graças a Deus só fiz amigos na TV Globo"", afirmou o Vannucci. “Me arrependo, não deveria ter rompido, deveria ter seguido o conselho da Marluce e ido conversar. Desculpa, Globo, foi aí que aprendi praticamente tudo desse meio maluco da televisão"", finalizou o relato do episódio, com a voz embargada.

Confira, a seguir, outras declarações de Vannucci no programa do SBT:

Informalidade na Globo 

"Eu consegui mudar o esquema da Globo. Era muito quadrado. Quando eu fui pro Rio, apresentei a parte local do Jornal Nacional, que seria hoje em São Paulo o SPTV. Só que era no último bloco, pega um momento de grande audiência. Basicamente, em 1986, foi o ano que consegui virar tudo isso. Quando pensaram em falar, me reprimir, me dar um pito, já tinha dado certo e o Brasil já tinha abraçado o `Alô, Você´."

Pouco contato com globais

"Raramente encontro. Falo às vezes com Galvão por telefone. Mas raramente tenho encontrado com Galvão. Com o Léo Batista converso bastante, há pouco tempo falamos."

Rede Brasil

"É uma emissora que ainda pode crescer muito. Uma coisa bacana é que só tem garotada, eu acabo passando um pouco da minha experiência e eles me passando também as novidades do veículo televisão, que hoje está muito informatizado, bem diferente do meu tempo, quando era na máquina de escrever. Aprender com a molecada toda da Rede Brasil."

Trabalho

"É no RB Notícias, o jornal da casa. Praticamente faço tudo sozinho do esporte, mas o salário, ó, como diria o Chico Anysio. Eu preciso trabalhar, porque não tenho exclusividade na Rede Brasil, posso continuar lá e trabalhar no SBT. Alô, Silvio."

EM 18 DE JUNHO DE 2018, FERNANDO VANNUCCI COMANDOU O PROGRAMA "A RÚSSIA É LOGO ALI", TENDO COMO CONVIDADOS MILTON NEVES, MENON E ROQUE JÚNIOR. VEJA, ABAIXO, NA ÍNTEGRA

Abaixo, confira a participação de Fernando Vanucci no Domingo Esportivo do dia 8 de março de 2015
 

 

Abaixo, confira a belíssima entrevista de Fernando Vannucci ao UOL Esportes, publicada em 13 de junho de 2018:

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade -->
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      67
    • 2 Int
      62
    • 3 Fla
      60
    • 4 Grê
      58
    • 5 São
      58
    • Veja tabela completa

    ÚLTIMOS CRAQUES