publicidade

Dado Cavalcanti

Técnico de futebol

por Roberto Gozzi

Luiz Eduardo Barros Cavalcanti, ou Dado Cavalcanti, nasceu no dia 9 de julho de 1981, em Arcoverde, interior de Pernambuco. Bastante culto, ele tem a seguinte formação: Ensino superior na área de Educação Física pela Universidade de Pernambuco entre 2002 e 2005, pós-graduação entre 2008 e 2009 pela mesma universidade, tem também o curso de treinador de futebol pela ABTF, em 2007, além do curso Internacional de Futebol STFP Técnico/Treinador, realizado em 2002.

Em 13 de fevereiro de 2018, aceitou o convite para treinar o Paysandu pela terceira vez. Deixou o Papão em julho e acertou com o Paraná Clube em 17 de outubro de 2018. 

Passou a infância em Caruaru-PE, onde começou a jogar bola. Aos 17 anos foi jogar na categoria de base do Santa Cruz. Dispensado tentou a sorte no Náutico, onde conheceu Muricy Ramalho. Encostado, recebeu o convite para estagiar na comissão técnica do time de juniores e aceitou. Aos 22 anos treinava a equipe infantil do Náutico, e de lá se transferiu ao rival Sport para ser auxiliar da equipe principal. Aos 24 anos, foi o treinador brasileiro mais jovem a conquistar um título do futebol profissional, pelo Ulbra-RO. Faturou o bicampeonato estadual em Rondônia nas temporadas 2006 e 2007, foi campeão Brasiliense da Terceira Divisão com o Brazsat, em 2008.

Levou o Santa Cruz-PE ás oitavas-de-final da Copa do Brasil, eliminando o Botafogo em pleno Engenhão. Foi eleito pela crônica esportiva local o melhor técnico do Campeonato Pernambucano de 2010. Ao final do 2º semestre de 2010, Dado assumiu o América de Natal na Série B do Campeonato Brasileiro. Permanecendo até o mês de março de 2011.  Se transferindo para o Central de Caruaru-PE.

Foi contratado no dia 30 de abril de 2011 pelo Icasa para disputar a Série B. Em 2012, comandou o Ypiranga e o Luverdense . Não conseguiu subir com o Luverdense para a Série B, mas seu grande trabalho fez com que chegasse ao futebol paulista. Após boa campanha no Mogi Mirim, chegando às semifinais do Paulistão, o time teve o melhor ataque da primeira fase, com 36 gols. No mesmo ano foi contratado pelo Paraná Clube, para disputar a Série B.

Em 2013 teve um primeiro turno brilhante na série B, mas ao final do campeonato não conseguiu levar o Paraná a primeira divisão, no dia 13 de dezembro de 2013, o Coritiba acertou a sua contratação, seu maior desafio até então, o primeiro clube na série A.

No dia 31 de março de2014, Dado foi demitido pelo Coritiba após uma fraca campanha no estadual. O Coxa foi eliminado pelo Maringá no Campeonato Paranaense. No mês seguinte, foi contratado pela Ponte Preta, que disputava a Série B do Brasileirão. Porém, após brigas com a diretoria, o treinador acabou deixando a Macaca no dia 21 de julho de 2014. 

Após passar 2 meses sem treinar nenhum clube, fechou em 12 de agosto de 2014, com o Náutico. No dia 3 de dezembro de 2014, acertou para a temporada 2015, com o Ceará. Acabou deixando o Vozão após a torcida achar a forma negativa de Dado escalar a equipe e de alguns resultados negativos.

Dado foi contratado pelo Paysandu em feveiro de 2015, clube onde ficou até junho de 2016, quando pediu demissão. No entanto, voltou ao Papão dois meses depois, após a equipe de Belém demitir Gilmar Dal Pozzo. 

Em dezembro de 2016, após o final da temporada, Dado foi contratado para comando o Náutico em 2017.

    ver mais notícias

    Clubes e conquistas:

    Mogi Mirim-SP          Semifinalista do Paulistão - 2013

    Escolhido o melhor técnico do Paulistão - 2013

    Luverdense-MT          Campeão Matogrossense - 2012

    Vice-campeão da 2ª Copa Pantanal - 2012

    Quartas-de-final da Série C - 2012

    Santa Cruz-PE            Campeão da Copa Pernambuco - 2009

    13ºcolocado na Copa do Brasil 2010

    3º Colocado no Campeonato Pernambucano - 2010

    Eleito o melhor técnico do Campeonato Pernambucano - 2010

    Brazsat-DF     Campeão Brasiliense da 3º divisão - 2008

    Ulbra-RO        Bicampeão Rondoniense - 2006/2007

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      80
    • 2 Fla
      72
    • 3 Int
      69
    • 4 Grê
      66
    • 5 São
      63
    • Veja tabela completa
    publicidade

    ÚLTIMOS CRAQUES