publicidade
Piloto da Hero Motorsport triunfou na corrida 1 no oeste paranaense. Foto: Victor Eleutério/Divulgação

Piloto da Hero Motorsport triunfou na corrida 1 no oeste paranaense. Foto: Victor Eleutério/Divulgação

A oitava etapa do campeonato da Stock Car, disputada neste domingo (9) em Cascavel, oeste do Paraná, foi de triunfos para Lucas Di Grassi (Hero Motorsport) e Átila Abreu (Shell V-Power), vencedores da corrida 1 e 2 da rodada dupla, respectivamente.

O fim de semana para o líder do campeonato, Daniel Serra (Eurofarma RC) não foi bom. O atual campeão da Stock enfrentou problemas mecânicos na corrida 1 e não pontuou, e também passou em branco na prova 2, terminando em 13º. Com isso, a vantagem de Serra para Fraga, o segundo colocado no campeonato, caiu de 43 pontos para 12 (191 a 179).

VITÓRIA DE LUCAS DI GRASSI

Na corrida 1, largando da segunda posição, Lucas Di Grassi venceu pela terceira vez na Stock Car, primeira na prova principal, após ter largado na segunda colocação. Ele manteve-se atrás do pole Felipe Fraga até a parada obrigatória para troca de pelo menos um pneu, quando voltou na liderança. Fraga e Di Grassi pararam na mesma volta, mas o piloto da Cimed Chevrolet Racing fez um rápido abastecimento, enquanto Lucas trocou apenas os pneus do lado direito, o mesmo que foi feito por Felipe.
Com pista livre, Di Grassi abriu uma segura vantagem para Fraga e esta foi a ordem de chegada, com Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing) completando o pódio, em terceiro.

TRÍPLICE COROA

A vitória de Lucas Di Grassi acabou lhe rendendo a simbólica "Tríplice Coroa Paranaense", pois além do triunfo deste domingo em Cascavel ele havia vencido suas outras duas provas em Curitiba e Londrina.

VITÓRIA DE ÁTILA 

Na corrida 2, acertando o momento de sua parada obrigatória, no limite da entrada do safey-car, o sorocabano Átila Abreu venceu pela 12ª vez na Stock, surgindo à frente do pelotão para surpresa geral. 

A disputa pelo pódio foi intensa até o final. Rafael Suzuki (Bardahl Hot Car), que havia largado em primeiro em razão do grid invertido em relação à prova 1, quando ele foi o décimo, manteve-se à frente até o seu retorno à pista, após o pit-stop, mas com vantagem pequena para Thiago Camilo, então o segundo colocado. Porém, sem mais botões de ultrapassagem, Suzuki perdeu a liderança para Camilo, mas voltou a recuperar a posição quando Camilo teve uma perda de potência. Nas voltas finais, Átila comandava a prova, seguido por Suzuki e Julio Campos. Átila conseguiu manter-se na liderança até receber a bandeira quadriculada e Campos ultrapassou Suzuki na volta final, e assim ficou o pódio: Átila, Campos e Suzuki.

PRÓXIMA ETAPA

Em duas semanas acontece a nona etapa do campeonato, quando será disputada a rodada dupla no Velo Città, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo. Depois, restarão mais duas rodadas duplas (Tarumã em 21 de outubro e Goiânia em 4 de novembro) e a última prova, esta em bateria única, valendo o dobro de pontos, em Interlagos, dia 9 de dezembro.

Átila Abreu venceu a corrida 2 em Cascavel. Foi seu 12º triunfo na Stock Car. Foto: Fábio Davini/Divulgação

CORRIDA 1 - STOCK CAR- CASCAVEL-PR

 

CORRIDA 2 - STOCK CAR- CASCAVEL-PR

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    67
  • 2 Int
    62
  • 3 Fla
    60
  • 4 Grê
    58
  • 5 São
    58
  • Veja tabela completa