publicidade

Jogo, no Pacaembu, foi válido pela sexta rodada do Paulistão. Foto: Ale Cabral/AGIF/via UOL

O Palmeiras não teve dificuldades para vencer o Bragantino nesta segunda-feira (11), em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista, no estádio do Pacaembu. Com um bonito gol, Dudu foi o destaque da vitória por 2 a 0; de pênalti, Gustavo Scarpa fez o outro. O time saiu aplaudido de campo.

O jogo ficou marcado pelo amplo domínio do Alviverde, que só não ganhou de goleada por desperdiçar chances claras com Borja e Marcos Rocha, por exemplo. Moisés tentou duas vezes de fora da área, mas ficou no quase. Titular no gol palmeirense, Fernando Prass trabalhou bem pouco.

Com o triunfo, o Palmeiras volta a liderar seu grupo no Paulista, com 13 pontos, ultrapassando o Novorizontino. Na próxima rodada, o Alviverde encara a Ferroviária, às 17h do domingo (17), fora de casa. Já o Bragantino estaciona nos oito pontos, na vice-liderança de sua chave, e tem o São Caetano como adversário da próxima rodada, no sábado (16), às 16h30.

O melhor: Dudu

O camisa 7 do Palmeiras justificou nesta segunda-feira o rótulo de ídolo alviverde e o esforço da diretoria para mantê-lo diante do assédio chinês. "Fominha", o atacante não entrou no rodízio de Felipão, fez um belo gol e ainda criou a jogada que originou o pênalti.

O pior: Itaqui

O lateral do Bragantino praticamente não viu a cor da bola. Ele sofreu com as investidas de Dudu e não pensou duas vezes antes de fazer faltas. Foi amarelado e precisou pegar mais leve. Acabou substituído após errar feio um cruzamento no segundo tempo.

Palmeiras abre o placar em lindo contra-ataque

O Palmeiras abriu o placar na sua primeira jogada ofensiva, após uma bela troca de passes em velocidade no contra-ataque. Scarpa achou Felipe Pires, que disparou pela direita. O atacante tocou para Moisés, que rapidamente abriu para o outro lado. Pela esquerda, Dudu chutou no contrapé do goleiro, de primeira, e marcou seu primeiro gol de 2019. Ele não balançava as redes desde novembro do ano passado.

Show de Dudu abre caminho para o 2 a 0

O Palmeiras aumentou o placar ainda no primeiro tempo, sem praticamente ver Fernando Prass trabalhar. Dudu pegou a bola pela esquerda, deu lindos dribles e achou Borja se infiltrando na área. O colombiano errou no domínio, mas conseguiu corrigir a tempo e sofreu o pênalti ao ser derrubado pelo goleiro. Na batida, Gustavo Scarpa converteu e fez o 2 a 0 no placar.

Scarpa toma entrada forte e dá susto

Gustavo Scarpa sofreu uma tesoura por trás de Júnior Goiano, defensor do Bragantino, e virou motivo de preocupação no Palmeiras por alguns minutos. O meia ficou revoltado com a entrada e chegou a empurrar o rival. Ele saiu de maca após ficar um tempo no chão, mas conseguiu voltar ao jogo. Scarpa, aliás, foi um dos destaques do time do Palmeiras, colaborando com ótimos passes e jogadas incisivas no ataque.

Rocha vacila e faz Prass trabalhar

 

O Palmeiras levou o primeiro tempo sem levar sustos. Fernando Prass foi praticar a primeira defesa difícil já perto do apito final, após vacilo de Marcos Rocha. O lateral foi recuar a bola e acabou dando uma assistência para o rival. A bola sobrou para o centroavante Matheus Peixoto, que bateu de primeira e viu Prass espalmar por cima.

Borja perde chance incrível e revolta torcida 

 

O Palmeiras começou o segundo tempo dominando novamente as ações. Em mais uma bela jogada, Dudu limpou a marcação, chutou de fora da área e quase marcou após desvio do zagueiro. O goleiro Alex Alves conseguiu afastar com a perna, mas colocou a bola nos pés de Borja. O colombiano fez o mais difícil e conseguiu chutar por cima do travessão, revoltando os palmeirenses no Pacaembu.

FICHA TÉCNICA

Palmeiras 2 x 0 Bragantino

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 11/02/2019
Horário: 20h (de Brasília)
Público: 20.144 pagantes
Renda: R$ 554.857,50
Árbitro: Vinícius Furlan
Assistentes: Vitor Carmona Metestaine Gustavo Rodrigues de Oliveira

Gols: Dudu, aos 7, e Gustavo Scarpa, aos 28 minutos do primeiro tempo
Cartões amarelos: Antônio Carlos (Palmeiras); Itaqui, Lázaro, Magno e Klauber (Bragantino)

Palmeiras: Fernando Prass; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Thiago Santos, Moisés (Bruno Henrique) e Gustavo Scarpa (Lucas Lima); Felipe Pires, Dudu (Carlos Eduardo) e Borja. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Bragantino: Alex Alves; Itaqui (Buiú), Lázaro, Júnior Goiano e Léo Rigo; Magno, Klauber (Renan Paulino) e Rafael Chorão; Adriano Paulista (Galego), Wesley e Matheus Peixoto. Técnico: Marcelo Veiga

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa