publicidade

Enquanto insistir em provocações e firulas, continuará sendo caçado pelos zagueiros. Simples assim

Quando Neymar, duas semanas depois da Copa, veio a publico pedir desculpas pelo seu desempenho na Rússia, por meio de um comercial da Gillette no caríssimo intervalo do `Fantástico`, o mundo quase desabou sobre a sua cabeça.
 
Nosso camisa 10 perdeu ali a oportunidade de fazer algo bem mais simples, e não pedir que todos nós - brasileiros, torcedores, sofredores - nos fingíssemos de bobos.
 
Eis aqui a essência de todo esse calvário que Neymar está vivendo em sua carreira. Ele é um craque de talento super-dotado, é capaz de fazer coisas com a bola que até Deus duvida, mas, ao contrário do que tentou dizer naquela esfarrapada mensagem da lâmina de barbear, não aprendeu a maior de todas as lições: a simplicidade. 
 
Alguém algum dia deve ter defendido a ideia de que fazer algo complexo era para os mais inteligentes. 
 
Por isso Neymar é caçado dentro de campo. Num dos últimos jogos pelo PSG, um zagueiro do Strasbourg desabafou com incontida revolta:
 
"Eu respeito o jogador que ele é, mas não estamos lá para nos divertir. Nós não somos seus lacaios. Se ele quer se divertir, nós respondemos com nossas armas”. 
 
Você nunca viu ninguém se referir a Messi dessa forma. Nem a Pelé. Nem a Ronaldo Fenômeno. Nem a Zico. O craque, o verdadeiro gênio, é capaz de superar qualquer adversário sem necessariamente menosprezá-lo ou desmoralizá-lo.. Este  parece ser o objetivo de Neymar quando provoca e faz firulas. Quando sente prazer em humilhá-los.
 
Desnecessário. Absolutamente desnecessário. Por causa de sua arrogância, ele só foi capaz de fazer uma autocrítica quando os publicitários da Gillette lhe forneceram um roteiro. O pior é que, naquela ocasião, escondeu-se dos julgamentos por meio de uma suposta imagem de garoto:
 
… Não é porque sou um moleque mimado, é porque não aprendi a me frustar… Você não imagina o que eu passo fora do campo”, disse naquele manjado comercial.
 
Neymar, meu caro, escute aqui, por favor: o simples pode ser mais difícil que o complexo. Além de evitar que você viva eternamente sendo caçado dentro de campo por adversários que querem quebrar-lhe as pernas.
 
LEIA TAMBÉM NO BLOG DO MARCONDES
 
As manchetes dos jornais desta 3a feira
 
CONTROLE REMOTO - O que você pode ver hoje na TV
 
Agora é oficial: Neymar faturouo pé direito outra vez
 
E continua a queda de braço entre a Globo e a dupla Palmeiras e Athletico

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Você também vai gostar

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa