publicidade
O jogo se encaminhava para o empate, mas brilhou a estrela de Willian

O jogo se encaminhava para o empate, mas brilhou a estrela de Willian

Do UOL, em São Paulo

Foi no sufoco, mas o Palmeiras venceu o Sport na Ilha do Retiro neste domingo (23) e colou de vez na liderança do Campeonato Brasileiro. O time comandado por Luiz Felipe Scolari superou o adversário por 1 a 0 e, beneficiado por tropeços de São Paulo e Inter, diminuiu para apenas um ponto a diferença para o líder.

O jogo se encaminhava para o empate, mas brilhou a estrela de Willian. Em seu primeiro lance em campo após substituir Jean, o atacante anotou aos 35 minutos o gol que garantiu o triunfo da equipe.

Com o resultado, o Palmeiras pula para a vice-liderança, com 50 pontos – um atrás do São Paulo. A pontuação é a mesma do Internacional, que empatou com o Corinthians, mas o Alviverde leva vantagem no saldo de gols. Já o Sport soma 24 e está na penúltima posição.

O próximo compromisso do Palmeiras na competição é contra o Cruzeiro, no domingo (30), no Pacaembu. Antes disso, a equipe enfrenta o time mineiro pelo jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil. O Sport volta a campo daqui a uma semana, diante do Atlético-MG, no Independência.

O melhor: Estrela de Willian brilha
Bastou apenas uma tentativa para Willian deixar a sua marca. Após entrar no lugar de Jean aos 35 minutos, o atacante aproveitou bola sobrada dentro da área em cobrança de escanteio e empurrou para o fundo da rede.

O pior: Deyverson desperdiça chances claras
Deyverson teve duas das melhores chances do Palmeiras na partida, mas não conseguiu marcar o gol que colocaria a equipe em vantagem. Na segunda oportunidade, ele driblou o goleiro e acabou chutando para fora. O desperdício quase custou caro ao time, que só foi marcar no fim do jogo

Pouca criatividade no primeiro tempo
Os primeiros minutos do Palmeiras no jogo indicavam uma pressão da equipe diante de um adversário em dificuldades na competição. Logo aos cinco minutos, o Sport deu bobeira e Deyverson teve grande chance ao finalizar da entrada da área para a defesa de Magrão. O que parecia o começo de um domínio, no entanto, desapareceu na sequência da etapa inicial. Sem criatividade, os visitantes viram o adversário equilibrar as ações.

O time pernambucano, porém, também pouco chegou ao gol de Jailson. A equipe só empolgou o torcedor aos 15 minutos, quando Morato chutou em cima do goleiro adversário após receber bola na área. A arbitragem, porém, já marcava impedimento.

Palmeiras sufoca, mas para em Magrão
O Palmeiras voltou do intervalo para o segundo tempo mostrando que não estava satisfeito com o empate. A equipe foi para cima do adversário e em apenas dois minutos teve duas grandes chances de abrir o placar.

A primeira oportunidade caiu nos pés de Guerra. Thiago Santos aproveitou distração da defesa adversária e deixou o venezuelano na cara do gol. O meia bateu rasteiro, mas Magrão fez grande defesa. Logo na sequência, Deyverson teve a chance mais clara da partida até então. Ele invadiu a área pela esquerda, driblou o goleiro e... Chutou para fora.

Willian marca no primeiro lance
O técnico Luiz Felipe Scolari acertou em cheio quando optou por colocar Willian em campo, aos 35 minutos do segundo tempo. Bastou apenas um lance para que o atacante anotasse o gol do triunfo da equipe. Após cobrança de escanteio, Gustavo Gómez cabeceou da pequena área e Magrão fez grande defesa. Na sobra, o “Bigode” apareceu livre para empurrar para a rede.

Lucas Lima se machuca e Guerra “reaparece”
Sem jogar desde maio, Alejandro Guerra ganhou nova oportunidade no Palmeiras. O venezuelano entrou em campo ainda no primeiro tempo no lugar de Lucas Lima, lesionado. Curiosamente, a última vez partida no meia havia sido justamente contra o Sport, na derrota por 3 a 2, no primeiro turno.

Sequência boa...
Com o resultado em Recife, o Palmeiras ampliou a sequência invicta na competição. O time paulista não perde desde a 15ª rodada, quando perdeu por 1 a 0 para o Fluminense, ainda sob o comando de Roger Machado, do dia 25 de julho. Desde então, já são 11 jogos de invencibilidade – oito vitórias e três empates. Com Felipão, a equipe ainda não sabe o que é perder na disputa.

... e sequência ruim
Se o Palmeiras não perde há quase dois meses no Brasileiro, o Sport vive uma sequência incômoda. O time pernambucano chegou ao quarto jogo consecutivo sem vencer. O último triunfo foi diante do Paraná, no dia 2 de setembro. Essa, inclusive, foi a única vitória da equipe em 16 jogos.

RAFAEL MELO/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa