publicidade

Caio, na foto de óculos, ao lado do antigo companheiro Tita. Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Morreu nesta terça-feira (12) o ex-atacante Caio, campeão da Libertadores e do Mundo pelo Grêmio em 1983. Aos 63 anos, ele já tinha passado pela amputação das duas pernas em razão de uma trombose. 

Pai de dois filhos, o ex-atleta morava no Rio Grande do Sul e foi homenageado pelo Grêmio em 2018. Ele estava há um mês internado no Hospital Universitário de São Luís, no Maranhão, sua terra natal. 

Caio foi autor do primeiro gol na final da Libertadores de 1983, primeira conquista do Grêmio. E ainda atuou na vitória sobre o Hamburgo no Mundial do mesmo ano. 

CLIQUE AQUI E CONHEÇA A HISTÓRIA DE CAIO NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa