publicidade
Jael marcou seis gols em 27 jogos na temporada. André tem três gols em 17 partidas

Jael marcou seis gols em 27 jogos na temporada. André tem três gols em 17 partidas

Jeremias Wernek
Do UOL, em Porto Alegre

A atuação de Jael diante do Flamengo, no último sábado, passou por pênalti perdido, gol marcado e assistência. O protagonismo dele, em todos os sentidos, pode até ter alimentado mais o debate público sobre o centroavante do Grêmio, mas não deve alterar a hierarquia interna. Mesmo que já tenha o dobro de gols de André, o camisa 9 deve seguir na reserva.

Jael marcou contra o Fla seu sexto gol em 2018. André tem três.

É preciso citar: Jael já disputou 27 jogos pelo Grêmio na temporada e André entrou em campo em 17 partidas pelo clube gaúcho. O negócio arrastado com o Sport impediu que o camisa 90 atuasse mais, sendo até mesmo inscrito ainda na fase de grupos da Libertadores.

"O Jael foi bem, você lembrou o gol e a assistência, mas você esqueceu uma terceira coisa. Quer que eu lembre? O pênalti (risos). Perder faz parte, mas tomou um puxão de orelhas. Não vou revelar, não vou expor. É um papo meu com ele. Mas não é só o Jael, todos aproveitam. Não posso trocar depois de cada partida que alguém não foi bem. Tenho que corrigir os detalhes e inclusive a malandragem", disse Renato Gaúcho.

A declaração do treinador é um sinal de que André deve seguir no time titular do Grêmio. Ele tem sido elogiado pela melhora após a Copa do Mundo. Um rendimento superior na comparação com o próprio jogador, mas que ainda está abaixo do esperado na Arena.

Jael, por outro lado, conta com apreço pelas características físicas. O camisa 9, desde o final do ano passado, tem apoiadores pelo estilo de jogo. De imposição física. André é tratado como um atacante mais móvel.

A visão tem eco na própria comissão técnica do Grêmio, mas não de forma tão clara. Contra o Flamengo, pela Copa do Brasil, Jael entrou no lugar de André e Renato revelou que fez a mudança pensando em ganhar profundidade. Ou seja, em ter um centroavante fixo no ataque para segurar o adversário alguns metros em seu campo de defesa. A estratégia caiu por terra após o camisa 9 torcer o tornozelo e seguir em campo descontado fisicamente.

Na terça-feira, o Grêmio visita o Estudiantes-ARG no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. André deverá ser titular mais uma vez. Jael ficará no banco. Mas com chance de esquentar ainda mais a disputa pela vaga de centroavante.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Você também vai gostar

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa