publicidade
Nenhuma mulher conseguiu igualar o feito da italiana

Nenhuma mulher conseguiu igualar o feito da italiana

Há exatos 40 anos, no dia 27 de abril de 1975, a italiana Lella Lombardi marcou história na Fórmula 1, ao terminar em sexto lugar o GP da Espanha, disputado no circuito de Montjuich.

Então com 34 anos, a bordo do March-Cosworth #10, Lella marcaria um ponto pelo resultado (naquela época apenas os seis primeiros pontuavam), mas a prova foi interrompida por conta do acidente do alemão Rolf Stommelen. O carro do piloto (um Lola-Ford) atingiu espectadores após perder o aerofólio traseiro. Cinco pessoas morreram. O piloto sobreviveu e, coincidentemente morreu em um acidente provocado por um problema no aerofólio de seu carro quando disputava uma prova válida pelo Camel GT IMSA, em Riverside, na Califórnia, Estados Unidos.

Como a corrida espanhola terminou antes dos 2/3 obrigatórios, a pontuação valeu metade, ou seja, o ponto de Lella Lombardi foi reduzido a 0,5.

O GP da Espanha de 1975 também marcou a carreira do alemão Jochen Mass (McLaren-Ford), então companheiro de equipe de Emerson Fittipaldi. Foi a única vitória de Mass na F1. O pódio foi completado pelo belga Jacky Ickx (Lotus-Ford) e o argentino Carlos Reutemann (Brabham-Ford).

De qualquer forma, Lella Lombardi, que morreu aos 50 anos em decorrência de câncer, foi a única mulher a ter conseguido pontuar na Fórmula 1.

Em sua carreira na F1, Lella Lombardi disputou 12 GPs. Antes dela apenas uma mulher havia disputado provas na categoria, a também italiana Maria Teresa de Filippis (dois GPs).

Mais três mulheres participaram de treinos oficiais na Fórmula 1, mas nenhuma delas conseguiu se classificar: a britânica Divina Galica; a sul-africana Desiré Wilson e a italiana Divina Galica.

A britânica Susie Wolff é piloto de testes da Williams desde 2012 e a espanhola Carmen Jordá também é piloto de testes na F1, na Lotus.

Algumas mulheres chegaram a testar carros de F1 em sessões privadas, casos da norte-americana Sarah Fisher (com McLaren em 2002), da inglesa Katherine Legge (com Minardi em 2005), da espanhola Maria de Villota (Marussia, em 2012) e da suíça Simona de Silvestro (Sauber, em 2014).

Foto: Divulgação

Lella Lombardi em 27 de abril de 1975, no GP da Espanha, em Montjuich, dia em que terminou a prova em sexto lugar e conquistou meio ponto. Foto: Divulgação

CLIQUE AQUI E VEJA A PÁGINA DE LELLA LOMBARDI NA SEÇÃO "QUE FIM LEVOU?"

CLIQUE NO LOGO ABAIXO PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa