publicidade
Atacante estaria na mira de times ingleses depois de se destacar pelo Santos. Foto: Thiago Ribeiro/AGIF/Via UOL

Atacante estaria na mira de times ingleses depois de se destacar pelo Santos. Foto: Thiago Ribeiro/AGIF/Via UOL

Artilheiro do Campeonato Brasileiro pelo Santos com 18 gols, o atacante Gabigol disse em entrevista ao jornal inglês "Daily Mail" que tem interesse em atuar na badalada liga do país europeu. Everton, West Ham e Crystal Palace estariam de olho no jogador de 22 anos, segundo a própria publicação.

"A Premier League sempre teve grandes atacantes e é muito divertido assistir pela TV. Um campeonato competitivo, com jogo veloz e dinâmico e com muitos candidatos ao título. Há qualidade em toda a parte, por isso todos gostam e comigo não é diferente. É uma liga que me atrai muito. Acompanho os brasileiros, às vezes nós conversamos, e eles falam que amam jogar a Premier League ", disse Gabigol, reforçando que ainda não há definição sobre seu futuro.

"Espero que tudo fique bem para todos se chegarmos a um acordo. Há muitas coisas envolvidas, principalmente com a Inter de Milão, que é a dona dos meus direitos. Nada está decidido, mas é muito improvável que eu fique no Brasil", explicou.

Na entrevista, o "Daily Mail" relata a trajetória de Gabigol no futebol: o início promissor na base, o sucesso no time profissional do Santos, que justificou o apelido da então promessa e até provocou comparações com Neymar, e o título na Olimpíada do Rio de Janeiro em 2016 com a seleção brasileira.

Os ingleses, porém, também destacam a passagem sem brilho do brasileiro pela Europa. Contratado por 29 milhões de euros há dois anos, ele não se firmou na Inter de Milão, sendo inclusive criticado duramente por Frank de Boer, seu primeiro técnico no clube, que o acusou de "estrelismo". "O engraçado é que ele nunca disse isso a mim", rebateu o brasileiro ao jornal inglês. "Ele foi meu treinador e poderia ter feito isso. Apesar disso, encaro como uma tentativa de ele dizer o que eu deveria ter feito. Isso não me preocupa e respeito a opinião dele".

Sem espaço na Itália, Gabigol foi emprestado ao Benfica, de Portugal, onde também não foi bem. Tudo mudou neste ano, quando foi cedido ao Santos e reencontrou o caminho das redes. "Individualmente, foi um ano espetacular. Amadureci e tive uma sequência de jogos, o que é muito importante", disse ele. "Espero viver em 2019 mais um ano feliz. Quero jogar da melhor forma possível para voltar a ser convocado à seleção", concluiu.

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    80
  • 2 Fla
    72
  • 3 Int
    69
  • 4 Grê
    66
  • 5 São
    63
  • Veja tabela completa