publicidade

Gato Fernandez

Ex-goleiro do Cerro Porteño, Internacional-RS e Palmeiras

por Marcelo Rozenberg

Roberto Eladio Fernández Roa, o popular goleiro paraguaio "Gato" Fernández, nasceu em Assunção em 09 de setembro de 1954. Começou a carreira muito jovem nas fileiras do Cerro Porteño, time mais popular de seu país, e se destacou no futebol brasileiro com passagens marcantes por Inter de Porto Alegre e Palmeiras. Atualmente reside no Paraguai onde trabalha como representante de jogadores.

"Gato" também defendeu Espanyol de Barcelona e Deportivo Cali, da Colômbia. Disputou 78 jogos com a camisa da seleção de seu país, tendo sido destaque da equipe na Copa do Mundo de 1986, no México, e também na conquista da Copa América de 1979.

No Palmeiras, segundo o Almanaque do Palmeiras de Celso Unzelte e Mário Sérgio Venditti, disputou 35 jogos em 1994 com 24 vitórias, oito empates, três derrotas e 22 gols sofridos.

O apelido que o tornou ainda mais conhecido surgiu quando defendia o Espanyol. Em uma partida contra o Atletico, fechou o gol de tal forma que, no dia seguinte, vários jornais de Barcelona estamparam que no gol do time local parecia haver um gato. Os companheiros de time compraram a idéia que, de início, não chegou a agradar o goleiro.

Roberto Júnior Fernández Torres, filho de Gato Fernández, seguiu os passos do pai e também se tornou goleiro. Em 2016, "Gatito" foi contratado pelo Figueirense para a disputa do Campeonato Catarinense e da Série A do Brasileirão.

Abaixo, ouça a participação de Gato Fernandez no "Domingo Esportivo" do dia 26 de março de 2017:

 

    ver mais notícias
    comments powered by Disqus

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2017

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Cor
      53
    • 2 Grê
      43
    • 3 San
      41
    • 4 Pal
      40
    • 5 Fla
      38
    • Veja tabela completa

    Últimos craques