publicidade

Zeno José Otto

Criador da camisa do Paraná Clube

Zeno José Otto foi brilhante publicitário e jornalista do Sul do país. Apaixonado pelo Paraná Clube, criou o uniforme do Tricolor paranaense em 1989, ano de fundação do clube. Morreu em 29 de outubro de 2013, na cidade de Curitiba.

Natural da capital paranaense, Zeno trabalhou com comunicação ainda jovem. Foi locutor e redator da mídia local, até abrir sua empresa de publicidade e propaganda, a P.A.Z., conceituadíssima na região.

O trabalho que lhe rendeu maior satisfação foi, sem dúvida, a criação do novo uniforme do então recém-criado Paraná Clube. Fruto da fusão do Colorado, originalmente colorado, com o Pinheiros, de cor azul, o Paraná nasceu tricolor pelas mãos de Zeno.

O grande paranista deixou a esposa Maria de Lourdes, o filho José e os netos Georgio e Gabriel.

Veja abaixo a matéria publicada na "Folha de S.Paulo" sobre a morte do criador da camisa do Paraná:

"Zeno José Otto (1938-2013) - Criou o uniforme do Paraná Clube
ANDRESSA TAFFAREL
DE SÃO PAULO
Quando os times Colorado e Pinheiros juntaram-se para formar o atual Paraná Clube, em 1989, as cores do uniforme também precisaram se unir. A tarefa ficou sob a responsabilidade do publicitário, e então colorado, Zeno José Otto, que participou ativamente do processo de fusão.
Além do branco, o novo manto trouxe o vermelho do Colorado e o azul do Pinheiros --e, como o restante dos torcedores, Zeno virou paranista.
O curitibano sempre trabalhou com comunicação, mas os primeiros empregos foram na área de jornalismo. Foi locutor de rádio, passou por jornais e, dos bastidores, participou do nascimento da televisão paranaense.
Mais tarde, decidiu mudar para a publicidade e abriu sua própria agência, a P.A.Z., muito premiada na região Sul e até nacionalmente.
Entre as campanhas que marcaram sua carreira está a das "figurinhas Zequinha", do final da década de 70. Com a intenção de aumentar a arrecadação de impostos, o governo do Paraná trocava notas fiscais por figurinhas e álbuns, que, completados, davam direito a um cupom numerado para que o contribuinte concorresse a prêmios.
Tinha como hobbies ler e ouvir MPB, além do futebol. Do tipo pró-ativo, "marcava presença" por onde passava.
Morreu na terça (29), de complicações de um enfisema pulmonar, aos 75. Deixa a viúva, Maria de Lourdes, com quem foi casado por quase 50 anos, o filho, José, a nora, Hellen, os netos, Georgio e Gabriel, e a irmã, Lina Iara.
A missa do sétimo dia será no domingo, às 18h30, na igreja do Cabral, em Curitiba. "

Foto: Reprodução

ver mais notícias
comments powered by Disqus

Selecione a letra para o filtro

publicidade
  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    53
  • 2 Grê
    43
  • 3 San
    41
  • 4 Pal
    40
  • 5 Fla
    38
  • Veja tabela completa

Últimos craques