publicidade

Luize Altenhofen

Modelo e Apresentadora de TV
Luize Altenhofen, gaúcha nascida em Cruz Alta no dia 07 de julho de 1979, uma das mulheres mais bonitas do Brasil, despontou na televisão quando trabalhou como assistente do apresentador Milton Neves no programa Supertécnico, da Rede Bandeirantes de Televisão, no ano de 2000.

Luize Altenhofen também trabalhou como apresentadora da Rede Bandeirantes, Lá, entre outros, apresentou o "Momento da Sorte", da Caixa Econômica Federal, e o "Band Esporte Clube".
 
Em 08 de novembro de 2011, anunciou sua participação no campeonato brasileiro amador de snowboard, categoria em que detém dois títulos nacionais.

Luize também já apresentou, ao lado de Lívia Lemos, o programa "Rolé", de esportes radicais, pelo SPORTV, canal Globosat.
 
Em 6 de julho de 2016 foi anunciada como apresentadora do SBT para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Luize tem uma irmã formada em medicina e em 2007 ganhou um irmãozinho. Sua mãe, também muito bonita, à época tinha pouco mais de 40 anos quando deu a luz ao menino.

No dia 28 de maio de 2013, a modelo Luize Altenhofen foi entrevistada pelo Portal UOL:

Luize Altenhofen relembra conselhos de Milton Neves e "linha dura" com xavecos na TV

Uma das primeiras mulheres a "se meter" em programas esportivos de televisão, as famosas "mesas-redondas", Luize Altenhofen está de volta à telinha, para atuar na novela global "Amor à vida", com o papel de uma mergulhadora.  A carreira de atriz é um dos passos que ela quer seguir a partir de agora, mas, de preferência, no cinema,  que ela diz adorar.
Vencedora de concursos de beleza em 1998, ganhou notoriedade ao começar sua trajetória na TV ao lado de Milton Neves, no programa "Supertécnico", com 20 anos.  Naquela época, desfilava sua beleza ao vivo, mas admite que não era tão "antenada" no futebol. Para não "pagar mico", recebia e seguia conselhos do experiente apresentador.
"Ele me falava: Luize, pergunta isso, isso e isso. Pode confiar". Aí começava o programa e eu fazia o que ele tinha me dito, né. Foi uma época muito boa, aprendi muito com o Milton e com muitos outros com quem trabalhei", afirmou a modelo, em entrevista ao UOL Esporte.
Loira e de olhos claros, Luize chamava a atenção quando estava no ar, e também dos convidados dos programas em que participava. Nos bastidores, xavecos e brincadeiras cheias de intenção aconteciam com certa frequência. Mas ela relembra a postura "linha dura" que adotava para não dar brecha.
"Sempre acontece, não é". Tinha umas brincadeirinhas, mas eu nunca dei brecha. Era linha dura, e quando percebia alguma coisinha, dava aquele olhar fulminante. Comigo é assim. Não pode dar moral. Mantive essa postura para evitar qualquer coisa", relembra a modelo.
Na época, a beleza da apresentadora a levou à ser capa da revista Playboy, em 2001 - e posteriormente em 2006. Profissionalmente, as fotos nua não acrescentaram em nada para a carreira. Mas, segundo a gaúcha, valeu a pena pelo lado financeiro. Hoje Luize é mãe de Greta, de três anos.
Desde que engravidou e deixou o comando do Band Esporte Clube, em 2010, ela não misturou mais o jornalismo com esporte. Passou por alguns programas de entretenimento até deixar a emissora, no começo de 2012.  Desde então, fez trabalhos como modelo e não deixou o esporte de lado.  Fissurada por surfe e envolvida com esportes radicais, vive nos famosos "bate-volta" na praia para pegar onda, e prepara o retorno ao snowboard, modalidade da qual ela é bicampeã brasileira (2007 e 2008).
"Não sei ficar parada, preciso sempre fazer alguma coisa. Não sou tão fã de academia, prefiro surfar, por exemplo. Várias vezes o dia estava nublado, mas eu acordei, peguei estrada e fui para a praia. Não quis nem saber", brinca.
*Por Luiz Paulo Montes

    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2017

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Cor
      72
    • 2 Pal
      63
    • 3 San
      63
    • 4 Grê
      62
    • 5 Cru
      57
    • Veja tabela completa

    ÚLTIMOS CRAQUES