publicidade

Kaká

Meia do SPFC, Milan e Real Madrid
por Tufano Silva

Veloz e habilidoso meia-atacante que despontou no São Paulo no início dos anos 2000, Ricardo Izecson dos Santos Leite, que ficou conhecido mundialmente como Kaká, anunciou sua aposentadoria em 17 de dezembro de 2017, aos 35 anos.
 
Foi negociado com o Milan, clube italiano que defendeu entre 2003 e 2009, ano em que foi contratado pelo Real Madrid, da Espanha.
 
No dia 2 de setembro de 2013, foi oficializado o retorno do meia brasileiro ao Milan, mas acabou não cumprindo esse compromisso até o final, sendo contratado em junho de 2014 pelo Orlando City, dos Estados Unidos.
 
O clube norte-americano emprestou o jogador ao São Paulo até o final de 2014, pois o campeonato da Liga de Futebol dos Estados Unidos estava marcado para começar em março de  2015.
 
Clubes
 
Nascido em Gama-DF no dia 22 de abril de 1982, Cacá - ainda com "C", mesmo - fez sua primeira partida como profissional contra o Botafogo, em 1º de fevereiro de 2001, quando o Tricolor empatou pelo placar de 1 a 1. No Morumbi, o jogador ficou até o ano de 2003, fazendo pelo clube 59 jogos, marcando 23 gols e conquistando um Torneio Rio-São Paulo, em 2001, e um Supercampeonato Paulista de Futebol, em 2002.

Com a fama de "pipoqueiro", Kaká deixou o São Paulo e se juntou a outros brasileiros, como Dida, Cafu, Roque Júnior e Serginho, no Milan. Ficou por lá até 2009, vivendo os melhores momentos de sua carreira, chegando a receber o prêmio de melhor jogador do mundo no ano de 2007. Conquistou com o time rossonero um Campeonato Italiano, uma Liga dos Campeões, uma Supercopa da Itália e um Mundial de Clubes.

Em 2009, após diversas investidas de outros clubes europeus, Kaká deixou o Milan e acertou com o Real Madrid. As constantes lesões não deixaram o meia ter o rendimento esperado pelos dirigentes merengues quando o contrataram pelo valor de 65 milhões de euros. No entanto, a má fase do atleta não fez com que a equipe não ganhasse títulos neste período. Foram três torneios Santiago Bernabéu, uma Copa do Rei e um Campeonato Espanhol. Mas, quatro anos depois de se despedir dos torcedores rossoneros, Kaká está de volta ao lugar em que mais brilhou em sua carreira.
 
Kaká foi casado com Caroline Celico de 2006 até novembro de 2014, quando foi anunciada sua separação. Eles se reconciliaram, mas em 2 de agosto de 2015 foi anunciada sua separação novamente. Juntos, eles tiveram dois filhos: Luca e Isabella. 

Seleção Brasileira

Atuou pela primeira vez com a camisa da Seleção Brasileira em um amistoso contra a Bolívia, disputado em 31 de janeiro de 2002. Naquele mesmo ano, integrou o elenco campeão mundial na Coréia do Sul e Japão. Jogou também as Copas de 2006 e 2010. Com a equipe canarinho, Kaká conquistou, além da Copa de 2002, as Copas das Confederações de 2005 e 2009.
    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 São
      50
    • 2 Int
      49
    • 3 Pal
      47
    • 4 Fla
      45
    • 5 Grê
      44
    • Veja tabela completa

    ÚLTIMOS CRAQUES