publicidade

Hortência

A Rainha do Basquete
por Marcos Júnior
 
Hortência Maria de Fátima Marcari, a Hortência, é a maior estrela do basquete brasileiro em todos os tempos, uma das maiores do mundo, fazendo parte, inclusive, do Naismith Memorial Basketball Hall of Fame (o Hall da Fama do basquete), desde 2002.
 
Em 5 de agosto de 2016 recebeu a tocha olímpica de Gustavo Kuerten (o Guga) no Estádio do Maracanã e a entregou a Vanderlei Cordeiro de Lima, que acendeu a pira olímpica na abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.
 
Nascida em 23 de setembro de 1959, na pequena cidade de Potirendaba, distante 443 km da capital paulista, apareceu para o basquete jogando pelo São Caetano Esporte Clube, entre 1973 e 1975.
 
Em São Caetano, jogou também pelo C.R.E. Fundação São Caetano.
 
Depois, Hortência teve uma passagem pelo Higienópolis, de Catanduva-SP.
 
Lá, João Alberto Caparroz,  fazendeiro e dono de duas emissoras de rádio, patrono da equipe montou um time de basquete com jovens promessas do basquete.
 
Além da armadora Hortência, trouxe também de São Caetano,  a pivô Ilza e as irmãs Cristina e Virgínia Punku. Elas se somaram as outras que já estavam no Higienópolis: Roselaine, Mara, Ivana, Regina, Jane, Lúcia, Patrícia e Sumara.
 
As pretensões do time de Catanduva eram ambiciosas e as quatro jogadoras que chegaram, além de terem levado suas famílias para a cidade, também tinham emprego e escola garantidos.
 
Hortência trabalhou em uma das rádios de Caparroz, além de dar aulas de basquete em colégios da cidade, com os salários pagos pelo clube.
 
Pela equipe de Catanduva foi tricampeã paulista (1978/79/80).
 
Mas a notoriedade nacional, com inúmeros títulos foi pelo time da Prudentina, de Presidente Prudente-SP, onde atuou entre 1982 e 1984, sendo campeã de jogos regionais, estadual e bicampeã sul-americana de clubes, entre outras conquistas.

Entre 1986 e 1991 foi jogadora da ADC Mineral (Arisco/Sedox), de Sorocaba, também conquistando muitos títulos.

Em 1992, pelo Leite Moça, também de Sorocaba, foi campeã brasileira e dos jogos regionais.

Seu último clube, como jogadora foi a Ponte Preta (Nossa Caixa/Nosso Banco) de Campinas, onde sagrou-se tricampeã mundial de clubes, campeã estadual e também dos Jogos Regionais.

Pela Seleção Brasileira, Hortência tornou-se conhecida nacional e internacionalmente. Dona da camisa 4 da seleção por  quase vinte anos, formou ao lado de "Magic" Paula uma dupla genial, que foi capaz de lotar ginásios em todo o país.

Foi medalha de prata nas olimpíadas de Atlanta, Estados Unidos em 1996; Campeã Mundial na Austrália, em 1994; medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos em Havana, Cuba, em 1991; prata nos Pan-Americanos de Indianápolis, Estados Unidos em 1987 e bronze em Caracas, Venezuela, em 1983.

Em fevereiro de 1988, Hortência foi a primeira atleta brasileira a posar nua para a revista Playboy. Depois dela muitas outras atletas e personalidades ligadas ao esporte também apareceram nas páginas da revista, entre elas: Marta (também jogadora de basquete); Sueli Pereira dos Santos (recordista su-americana de lançamento de dardo); a falecida Dora Bria (windsurfista); a atacante Bel (futebol feminino); Ida (jogadora de volei), Vanessa Menga (tenista); Dani Freitas (bicampeã mundial de body board) e a bandeirinha Ana Paula Oliveira.

Em 2009, assumiu o cargo de diretora da Seleção Brasileira de Basquete Feminino. Em 2013, deixou a CBB por não concordar com a troca de sua função.

Hortência, que reside em São Paulo,  é mãe de dois filhos: João Victor e Antonio, ambos de sua união com o empresário José Victor Oliva, com quem foi casada por dez anos.
 
Milton Neves em um delicioso encontro com Hortência, em 23 de fevereiro de 2010, no Lellis Trattoria, em São Paulo

 
Abaixo, a crônica de Armando Nogueira, uma linda homenagem  à genial Rainha Hortência, comparada a outro gênio: Garrincha:

    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2017

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Cor
      71
    • 2 Grê
      61
    • 3 Pal
      60
    • 4 San
      59
    • 5 Cru
      56
    • Veja tabela completa

    ÚLTIMOS CRAQUES