publicidade

Gazeta Esportiva

Principal jornal de esportes do Brasil em todos os tempos

por Milton Neves

"Se a Gazeta Esportiva não deu, ninguém sabe o que aconteceu". Este foi o slogan que marcou e impulsionou o até hoje mais importante e marcante jornal diário de esportes do Brasil. Tanto que nas Copas do Mundo de 1958 e 1962, sem a "desleal" concorrência da televisão, a "Gazeta Esportiva" e a "rádio Bandeirantes" pararam e emocionaram o país.

O jornal, em 1958, chegou a fazer quatro edições diárias tanto para atender à demanda frenética quanto para atualizar o conteúdo relacionado à primeira Copa que ganhamos. Teriam sido os primórdios da Internet?

É fácil notarmos a influência de "A Gazeta Esportiva" no mundo esportivo brasileiro nas décadas de 1940, 1950 e 1960. No desfile dos jogadores campeões de 58 em carro do Corpo de Bombeiros, percebemos o jornalista Otávio Munis ao lado dos craques exibindo um exemplar do periódico.

Foi na Gazeta que foram criados os títulos e rótulos dos grandes clássicos paulistas. O jornalista Thomas Mazzoni, célebre redator-chefe do jornal, inventou "derby" para definir o mais antigo e tradicional clássico paulistano disputado entre Corinthians e Palmeiras, "Majestoso" para apontar os duelos entre Corinthians e São Paulo, Choque-Rei para os embates entre Palmeiras e São Paulo e SanSão para abordar os jogos entre Santos e São Paulo.

    comments powered by Disqus

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2017

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Cor
      53
    • 2 Grê
      43
    • 3 San
      41
    • 4 Pal
      40
    • 5 Fla
      38
    • Veja tabela completa

    Últimos craques