publicidade

Clóvis Messias

Cronista esportivo
Paulistano de Itaquera (zona leste), nascido no dia 11 de novembro de 1939, Clóvis Messias não consegue se desligar do jornalismo, uma de suas grandes paixões.
Atualmente se divide em sua residência na cidade de Barretos e em sua amada Vila Matilde, na capital paulista.
Ele é colaborador do blogue Futepoca, com a coluna "No butiquim da política", onde aborda, de forma didática temas espinhosos como ética na política e má utilização do dinheiro público. Também é colaborador do programa de rádio "ABC Maior no ar", na região do ABC paulista.
Clóvis começou em rádio em 1957, na Nacional (hoje rádio Globo de São Paulo) e TV Paulista (hoje TV Globo), então emissoras da Organização Victor Costa.
Contratado por Dermival Costa Lima, que em 1959 o levou para o Rio de Janeiro (rádio e TV Continental - hoje TV Educativa). O slogan da emissora carioca era "100% Esportiva e Informativa.
Por ela, Clóvis Messias cobriu a inauguração de Brasília (1960). Ainda na Continental, Messias integrou a famosa equipe comandada pelo cronista esportivo Waldir Amaral, em "link" com a Rádio Panamericana de São Paulo (hoje, Jovem Pan-AM).
Ainda no Rio, Messias trabalhou na Rádio Tupi e finalmente na Rádio Mayrink Veiga (fechada pelo Governo Militar em 1964). De volta a São Paulo, em 1965, foi trabalhar na maior rede de rádio em São Paulo - a Piratininga.
Em 1967 foi trabalhar na Rádio Jovem Pan, na equipe de esportes comandada por Joseval Peixoto, o ex-jogador Leônidas da Silva, Geraldo Blota e Narciso Vernizzi (saudoso plantão esportivo e que foi ainda o famoso "Homem do Tempo").
Clóvis Messias fazia dupla com Otávio Nami (falecido). Na Pan, Messias ficou por quase dez anos. Em 1974 foi levado para a Rádio Bandeirantes por Hélio Ribeiro (Joseph Magnoli).
Na hoje Band-AM, Clóvis Messias começou na equipe em que Fiori Giglioti era narrador e Mauro Pinheiro comentarista (Cadeia Verde Amarela). Com a visão de futuro de Hélio Ribeiro, a Bandeirantes começou a investir em jornalismo, deixando de lado a tradicional receita de musicais e esportes.
Em 1976, Messias começou a cobrir política. Antes disso, transmitia os Carnavais (desde os tempos da Continental do Rio). Messias cobriu tanto a política de São Paulo (em especial a Assembléia Legislativa - onde até hoje é dirigente do Comitê de Imprensa) e o Congresso Nacional.
Clóvis Messias escreveu seu nome na história do rádio de São Paulo. Participou da implantação da Central Brasileira de Notícias (CBN de São Paulo).
Com mais de 40 anos de profissão, o marcante Clóvis Messias coordenou o jornalismo na Rádio Capital-AM. Seu filho, Cássio Toledo Messias, é médico veterinário e atua no Sistema de Inspeção Federal e Estadual (Estado de Rondônia).
    ver mais notícias
    comments powered by Disqus

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2017

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Cor
      23
    • 2 Grê
      22
    • 3 San
      16
    • 4 Bot
      15
    • 5 Cor
      15
    • Veja tabela completa

    Últimos craques