publicidade

Ciro José

Jornalista e executivo de TV

Sobre o jornalista Ciro José, veja abaixo e-mail enviado pelo internauta Mario Augusto, no dia 17 de agosto de 2008:

"OI MILTON, MANDEI A PERGUNTA NO SITE DA BAND E CAÇANDO NA NET ACHEI,NO MEMÓRIA GLOBO UM DEPOIMENTO DO CIRO JOSÉ,ESTOU ENVIANDO EM ANEXO PARA VOCÊ.
ABRAÇOS, MARIO AUGUSTO LEITE FILHO.

Memória Globo - Rede Globo

Home Notícias Esportes Entretenimento Vídeos Assine a Globo.com Todos os sites

Ciro José Carvalho Gonsales nasceu na cidade de Anhumas, São Paulo, em 25 de maio de 1943. Formou-se em jornalismo pela Fundação Casper Líbero e iniciou sua carreira, em 1963, trabalhando como repórter na antiga Rádio Pan-americana, hoje Jovem Pan.

Quatro anos depois, foi convidado pelo locutor Pedro Luís para integrar a equipe da Rádio Gazeta.

Deixou a Rádio Gazeta em 1969, para trabalhar na Rádio Globo de São Paulo, também como repórter esportivo. Dois anos depois, passou a acumular as funções de repórter e comentarista. Em 1971, Ciro José foi convidado por José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, para transmitir ao lado de Luciano do Valle uma competição de basquete realizada em São Paulo. Foi contratado pela TV Globo em seguida. Trabalhou simultaneamente para a Rádio Globo e para a emissora até 1974, quando deixou o rádio para se dedicar ao jornalismo esportivo na televisão.

Nessa época, a divisão de esportes da emissora ainda não era uma área estruturada. Não havia uma equipe dedicada exclusivamente à cobertura esportiva, nem recursos ou equipamentos para a realização de matérias e transmissões de eventos esportivos. A área de Esportes dividia os recursos com as demais áreas do jornalismo, então comandada por Armando Nogueira. Assim, na década de 1970, Ciro José desempenhou por muitos anos as funções de repórter, comentarista e editor de programas relacionados ao esporte.

Durante sua trajetória na TV Globo, acompanhou a criação do Esporte espetacular, em 1973, e implantou o quadro Gols do Fantástico. Na área de jornalismo, chegou a apresentar também programas como o Bom dia São Paulo e o Jornal Hoje, este ao lado de Marília Gabriela.

Ciro José assumiu a direção da Divisão de Esporte da TV Globo em 1978, permanecendo no cargo até 1986. Nesse ano, retornou para São Paulo e passou a ocupar o cargo de diretor de esportes. Participou da cobertura de sete Olimpíadas, entre 1972 e 1996, e de oito Copas do Mundo, de 1970 a 1998.

Entre as coberturas mais marcantes da sua carreira, o jornalista destaca a Copa do Mundo da Espanha, em 1982, em que a TV Globo possuía os direitos exclusivos da transmissão dos jogos. O planejamento dessa cobertura, que levou dois anos para ser elaborado, foi comandado por Ciro José. Entre o final de 1996 e o início de 1997, a TV Globo dividiu o setor de esporte em duas áreas, a de produção e a de negociação. Ciro José passou a ocupar o cargo de diretor de negociação de direitos esportivos, ficando responsável por cuidar dos direitos de todos os eventos da área de Esportes apresentados pela emissora. Essa diretoria foi o embrião da atual Globo Esportes, criada no final de 1999. Em 2000, seria convidado a administrar um novo setor, a diretoria de esportes a motor.

Desde então, ocupa o cargo de diretor internacional, dedicando-se aos investimentos e às transmissões das corridas de Fórmula-1.

Ao longo da sua carreira, Ciro José trabalhou com importantes nomes do jornalismo brasileiro, como Júlio Delamare, Luís Fernando Mercadante e Ruy Viotti. Também trabalhou durante muitos anos ao lado de Luciano do Valle, com quem dividiu a transmissão dos jogos de futebol na década de 1970 e no início dos anos de 1980.

    ver mais notícias

    Selecione a letra para o filtro

    publicidade
    • Tabela

    • BRASILEIRÃO 2018

    • Classificação
      Pontos
    • 1 Pal
      59
    • 2 Int
      56
    • 3 Fla
      55
    • 4 São
      52
    • 5 Grê
      51
    • Veja tabela completa

    ÚLTIMOS CRAQUES