publicidade
A decisão foi tomada após a sequência negativa do time no Campeonato Brasileiro

A decisão foi tomada após a sequência negativa do time no Campeonato Brasileiro

Daniel Fasolin

Colaboração para o UOL, em Chapecó

Vagner Mancini não é mais o treinador da Chapecoense. A decisão foi anunciada nesta terça-feira pelo clube catarinense, um dia após o empate por 3 a 3 com o Fluminense no Rio de Janeiro.

A decisão foi tomada após a sequência negativa do time no Campeonato Brasileiro. Nas últimas quatro partidas pela competição, foram três derrotas – para Botafogo, Flamengo e Atlético-MG. Além disso, empatou fora de casa com o Defensa y Justicia pela Copa Sul-Americana.

Mancini chegou à Chape no começo do ano para trabalhar na reformulação do time após a tragédia aérea com a delegação do clube em novembro de 2016. Ao todo, foram 45 jogos oficiais, com 20 vitórias, nove empates e 16 derrotas.

À frente do clube, Mancini conquistou o Campeonato Catarinense de 2017, além de ter disputado a fase de grupos da Copa Libertadores da América. Na competição continental, o clube ficou em terceiro lugar em seu grupo e conquistou uma vaga para a segunda fase da Sul-Americana.

Foto: Chapecoense/Divulgação (retirada do portal UOL)

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    37
  • 2 Grê
    31
  • 3 San
    27
  • 4 Fla
    15
  • 5 Spo
    24
  • Veja tabela completa