publicidade
Díaz chegou ao Brasil no fim de julho e faz trabalhos à parte antes de treinar com elenco

Díaz chegou ao Brasil no fim de julho e faz trabalhos à parte antes de treinar com elenco

Diego Salgado
Do UOL, em São Paulo

Uma das maiores promessas do futebol paraguaio ficou motivado a vir ao Corinthians por causa de Angel Romero e da Libertadores. Sergio Díaz foi apresentado pelo clube paulista nesta sexta-feira à tarde e ressaltou a presença do compatriota no clube, além de mencionar a possibilidade de atuar novamente pela competição continental.

"Foi uma das coisas que me motivou a vir para cá. Nós treinamos juntos [no Cerro Porteño] e quase joguei com ele lá. Mas joguei com o seu irmão [Oscar, que hoje atua pelo futebol chinês], que demorou mais para deixar o clube", disse Díaz, que pertence ao Real Madrid e chega ao Corinthians por empréstimo até o fim de 2019.

Segundo o atleta, a Libertadores também foi fundamental para o jogador de 20 anos aceitar a proposta corintiana. Díaz já disputou a competição pelo Cerro Porteño - em 2016, ele enfrentou o Corinthians pela fase de grupos e fez um gol na equipe brasileira na partida disputada em Assunção (a equipe paraguaia venceu por 3 a 2).

"A princípio queria ficar em Madrid para me recuperar. Mas tinha a Libertadores e decidi vir para ser inscrito. Aqui também vou me cuidar. Todos estão me tratando bem para daqui a pouco jogar pelo Corinthians. Já me sinto forte fisicamente, a ponto de voltar", frisou o atacante.

Díaz se recupera de uma lesão grave no joelho. Desde que chegou ao Corinthians, no fim do mês passado, o atacante faz trabalhos específicos para voltar aos gramados. A tendência é que ele fique à disposição do técnico Osmar Loss daqui a 15 dias.

"Talvez eu comece a treinar com o grupo na semana que vem. Aí ficará nas mãos do técnico para me colocar nas partidas. Tenho de treinar primeiro com o grupo para ver como me sinto. Estou com muita vontade. Acho que em duas semanas já estarei jogando", explicou Díaz.

O paraguaio ainda relembrou a partida em que atuou pelo Cerro Porteño na Arena Corinthians e fez elogios à torcida corintiana. Na ocasião, o time brasileiro venceu por 2 a 0.

"O que mais me impressionou foi na hora do aquecimento já havia um monte de gente empurrando o Corinthians. Em nenhum momento havia silêncio no estádio. Desde muito cedo. Isso sempre é muito importante para os jogadores. Fiquei com essa linda experiência, de uma torcida maravilhosa", ressaltou.

Foto: Diego Salgado/UOL Esporte

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Você também vai gostar

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    59
  • 2 Int
    56
  • 3 Fla
    55
  • 4 São
    52
  • 5 Grê
    51
  • Veja tabela completa