publicidade
Caso a negociação seja concretizada, o Santos deve embolsar R$ 27,2 milhões. Foto: Léo Pinheiro/Framephoto/Estadão Conteúdo - via UOL

Caso a negociação seja concretizada, o Santos deve embolsar R$ 27,2 milhões. Foto: Léo Pinheiro/Framephoto/Estadão Conteúdo - via UOL

A transferência do zagueiro Lucas Veríssimo ao Spartak de Moscou, da Rússia, ainda não foi concretizada, mas o Santos já faz planos com o valor que pode receber na negociação. Caso ela saia do papel, o clube deve embolsar R$ 27,2 milhões, referentes a 80% do valor da transferência. O UOL Esporte apurou que a ideia é pagar dívidas, como direitos de imagem atrasados, acordos com ex-jogadores e até parcelas de suas contratações para esta temporada, como no caso de Gabigol.

Pelo camisa 10, o Santos pagará 1,7 milhão de euros (R$ 6,6 milhões) por um ano de empréstimo. O valor foi divido em três parcelas. A primeira já foi paga à vista, mas a diretoria santista aguarda recebíveis para quitar a segunda. A ideia também é utilizar parte do montante na contratação do argentino Lucas Zelarayán. O clube paulista ofereceu US$ 500 mil pelo empréstimo (cerca de R$ 1,5 milhão) e mais US$ 100 mil mensais de salário (R$ 318 mil), mas a negociação travou por conta de uma divergência entre o atleta e o Tigres, do México.

Se não bastasse o investimento em reforços, o Santos ainda deve dinheiro para Lucas Lima, Ricardo Oliveira e outros jogadores que deixaram o clube no fim do ano passado. Além disso, a diretoria precisa pagar diversas rescisões de contratos por conta de cerca de 300 demissões já realizadas pela nova diretoria – somando departamento de futebol e administrativo.

O clube paulista deve, inclusive, R$ 800 mil a um ex-dirigente do clube. O acordo já foi "costurado". Ele receberá R$ 400 mil à vista e terá o restante dividido em dez parcelas.

Há também uma pequena dívida com o Profut (Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro). A ideia é quitar todas essas dívidas com o dinheiro da venda de Lucas Veríssimo. O clube russo, inclusive, prometeu que o valor será pago à vista em 48 horas após o fechamento da transação.

O Spartak ofereceu 8,5 milhões de euros (cerca de R$ 34 milhões) para ficar com Lucas Veríssimo. A diretoria santista gostou do valor da oferta, mas o acerto ainda depende de uma discussão entre os empresários que detém 20% dos direitos econômicos do jogador. Duas empresam "brigam" pelo montante.

Além disso, o clube paulista aguarda Lucas Veríssimo acertar "luvas" e salários com o Spartak para finalizar o negócio. O atleta, que recebeu reajuste salarial no fim da temporada passada, ganha R$ 105 mil mensais no Santos, e pode passar a receber mais de R$ 500 mil na Rússia.

Para ajudar, a diretoria santista, inclusive, deve lançar em seu balancete que a venda foi fechada em 7,5 milhões de euros (R$ 30 milhões) e mais 10% de uma futura venda. A manobra pode ser acertada dessa forma para que as empresas recebam suas porcentagens.

Lucas Veríssimo foi um dos destaques do Santos em 2017, com 60 partidas, um gol e uma assistência. Formado nas categorias de base do próprio clube, o camisa 28 tem contrato até junho de 2022 e 80% dos direitos econômicos detidos pelo clube paulista.

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    59
  • 2 Int
    56
  • 3 Fla
    55
  • 4 São
    52
  • 5 Grê
    51
  • Veja tabela completa