publicidade
"Certamente vai ser uma sensação diferente"

"Certamente vai ser uma sensação diferente"

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

Foram quase 250 partidas pelo Santos. Mais de 100 gols e muitos títulos conquistados, entre eles dois o Campeonato Brasileiro, duas vezes, e a Copa do Brasil. Conquistas, gols e grandes atuações que fizeram de Robinho um dos maiores ídolos da história do clube paulista. Neste domingo, porém, o camisa 7 não vai estar de branco. Robinho vai estar de preto e branco.

Artilheiro do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro, com oito gols, o atacante vai enfrentar o Santos pela primeira vez. Uma sensação diferente e especial, como o próprio jogador descreve. No entanto, nada para temer, Robinho quer deixar sua marca na Vila Belmiro, estádio em que marcou muitos dos 109 gols que fez com a camisa santista.

"Certamente vai ser uma sensação diferente. Mas estou vivendo um ótimo momento no Atlético e espero que continue assim. Jogar na Vila é especial e sempre marquei gols jogando lá. Espero que não seja diferente desta vez", disse o atacante, que espera um comportamento diferente da torcida do Santos, mas nada capaz de afetar o rendimento do Atlético em campo.

Robinho não disputa uma partida na Vila Belmiro desde o dia 31 de maio de 2015. Na ocasião o Santos recebeu o Sport, para o duelo pela 4ª rodada do Brasileirão do ano passado. E o atacante fez um dos gols da partida que terminou empatada em 2 a 2. Na sequência da temporada, Robinho foi disputar a Copa América com a seleção brasileira e depois se transferiu para o Guangzhou Evergrande, da China.

Após a passagem pelo futebol asiático e antes de assinar contrato com o Atlético, Robinho chegou a negociar com o Santos, o que seria sua quarta passagem pela equipe paulista. Mas não houve o acerto e o Rei das Pedaladas fechou com o Atlético. Pelo clube mineiro já são 18 gols em 32 partidas, sendo oito gols em 15 jogos do Brasileirão.

Em boa fase, Robinho chegou pendurado para o jogo com a Chapecoense. Uma falta mais dura ou alguma indisciplina poderia ser o suficiente para receber o cartão amarelo e ficar fora da partida pela 20ª rodada. No duelo pelo primeiro turno, na abertura do Brasileirão, Robinho estava machucado e desfalcou o Atlético, que ainda estava na disputada da Copa Libertadores. Portanto, mesmo que estivesse em condições de jogo, dificilmente o atacante atuaria na partida vencida pelo Atlético, por 1 a 0, no Independência.

"O Robinho já passou por tanta coisa, é um jogador experiente. Vai nos ajudar não apenas por ser o Santos, mas por estar crescendo, fazendo gols, servindo os colegas, participando da parte defensiva", disse o técnico Marcelo Oliveira, que não esconde a importância do atacante na reação que levou o Atlético da zona de rebaixamento para a vice-liderança do Brasileirão.

Foto: UOL

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    72
  • 2 Pal
    63
  • 3 San
    63
  • 4 Grê
    62
  • 5 Cru
    57
  • Veja tabela completa