publicidade
Ídolo tricolor assume lugar deixado por Vinícius Pinotti, que pediu demissão por divergências com a presidência. Foto: Divulgação São Paulo

Ídolo tricolor assume lugar deixado por Vinícius Pinotti, que pediu demissão por divergências com a presidência. Foto: Divulgação São Paulo

Raí é o novo diretor de futebol do São Paulo. Ídolo tricolor, o ex-meia assume o cargo deixado por Vinícius Pinotti, que deixou o clube na última quarta-feira por divergências com o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco. O anúncio oficial será feito nos próximos dias. No posto, Raí será o homem forte do futebol tricolor.

Pelo São Paulo, Raí ganhou os principais títulos: Brasileirão de 1991, as Libertadores de 1992 e 1993, o Mundial de Clubes de 1992 e os Paulistas de 1989, 1991, 1992, 1998 e 2000, ano em que encerrou a carreira.

Dois anos depois, teve uma breve experiência no cargo de coordenador no São Paulo. Na ocasião, ficou apenas três meses no posto.

Em setembro deste ano, o nome de Raí ganhou força no Morumbi para novamente assumir como coordenador. O ex-meia era quase unanimidade entre os dirigentes tricolores, que buscavam alguém com força para evitar uma crise sem precedentes no clube.

Na ocasião, o time brigava contra o rebaixamento no Brasileirão. Anteriormente, o ex-técnico Muricy Ramalho recusou o convite, mas se prontificou a ajudar informalmente.

Outro ídolo que pode assumir um cargo no São Paulo é Lugano. O zagueiro se despediu do clube no último domingo e viajou para resolver questões pessoais. Quando retornar, o uruguaio decidirá se aceita o convite da diretoria para trabalhar como dirigente ou na comissão técnica.

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    72
  • 2 Pal
    63
  • 3 San
    63
  • 4 Grê
    62
  • 5 Cru
    57
  • Veja tabela completa