publicidade
Sinval Vieira, diretor de futebol do Vitória, foi procurado por Leandro

Sinval Vieira, diretor de futebol do Vitória, foi procurado por Leandro

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

O meia-atacante Leandro, de 23 anos, chegou à Toca do Leão no começo de fevereiro, após passagem pelo CSP, da Paraíba. A ideia era observar o atleta e, quem sabe, efetivá-lo ao time profissional. Depois de quase um mês treinando, porém, o jogador foi até o diretor de futebol, Sinval Vieira, e contou ter recebido um "chamado de Deus". Então, deixou o clube rubro-negro.

"Ele é uma pessoa evangélica. Deus disse para eu ir e depois voltar, me disse. E eu disse: está bom, que Deus lhe acompanhe. Respeito muito essas coisas. É a força de Deus. Ele me disse que estava convicto disso, era para ele ir e voltar um dia", explicou Sinval Vieira em entrevista ao UOL Esporte. O dirigente também esclareceu que ele ainda não havia assinado contrato.

"Leandro não chegou a ser contratado. Como eu faço com muitos jogadores, foi para fazer uma avaliação. Ele chegou com um problema médico que foi sanado e, quando ia começar, não sentiu confiança e pediu para ir embora. É um jogador que não estava contratado, veio para ser avaliado, e ia passar um tempo – estou fazendo isso com muitos", acrescentou.

Apesar dos 23 anos, Leandro já acumulou passagens por alguns clubes brasileiros. Revelado pelo Vila Nova-GO, ele tem ainda outros oito times no currículo: Desportiva Guarabira-PB, CSP-PB, ABC, Treze, Matonense-SP, Paraíba, Sousa e Miramar-PB. De acordo com Sinval Vieira, ele seguiu de volta para João Pessoa (PB), sua cidade natal.

A reportagem do UOL Esporte ainda não conseguiu contato com o jogador para que ele esclareça a situação.

Foto: R. Santin/Vitória

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    37
  • 2 Grê
    31
  • 3 San
    27
  • 4 Fla
    15
  • 5 Spo
    24
  • Veja tabela completa