publicidade
Treinador do Flu também tem a doença e vai ligar para o amigo e fazer a seguinte pergunta: "quer morrer de tédio?"

Treinador do Flu também tem a doença e vai ligar para o amigo e fazer a seguinte pergunta: "quer morrer de tédio?"

Dentro de campo, Fluminense e Flamengo são grandes rivais, fora dele, é, ou eram, comandados por grandes treinadores que compartilham um mesmo problema de saúde: a arritmia cardíaca. A doença fez com que Muricy Ramalho deixasse o comando do rubro-negro e Levir Culpi, comandante tricolor, revelou que irá procurar o amigo para conversar sobre esse momento.

“Sabe, vou ligar para o Muricy para perguntar uma coisa pra ele. Vou perguntar assim: ‘você prefere morrer de arritmia ou de tédio? Então volta’. Eu também tenho problema de arritmia, mas o futebol não me deixa entediado”, disse ele em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Levir Culpi também falou sobre seleção brasileira. O treinador disse que conhece bem Dunga e Gilmar Rinaldi, que estão à frente do Brasil, mas que vai demorar para que tudo entre em um “eixo lógico”.

“Para que serviu o jogo contra o Panamá? O Brasil tem que acertar a seleção em um jogo só, com uma pressão muito forte. O futebol brasileiro vai demorar para entrar em um eixo lógico. Enquanto isso será assim, o time entra em campo e se jogar bem a gente aplaude, se jogar feio a gente vaia. A Seleção está desgovernada”, declarou.

Foto: Mailson Santana/Fluminense FC

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    55
  • 2 San
    47
  • 3 Grê
    46
  • 4 Cru
    44
  • 5 Pal
    43
  • Veja tabela completa