publicidade
Após o combate, Hendricks passou por exames para avaliar a gravidade da lesão

Após o combate, Hendricks passou por exames para avaliar a gravidade da lesão

O novo campeão dos meio-médios do UFC, Johny Hendricks, mal conquistou o cinturão e já terá de ficar parado por pelo menos dois meses, por causa de uma cirurgia. Depois de vencer Robbie Lawler no UFC 171, no último sábado, o lutador revelou que, antes da luta, pensou em desistir porque estava com uma lesão no cotovelo.

Após o combate, Hendricks passou por exames para avaliar a gravidade da lesão. Nesta quarta-feira, ele afirmou à rádio norte-americana KROQ que o problema é uma ruptura no bíceps e, por isso, vai passar por uma cirurgia na próxima segunda-feira (24). Hendricks deve começar a fisioterapia apenas um mês depois da operação, e o trabalho de reabilitação também deve demorar mais um mês.

Dessa forma, se a recuperação correr bem, o campeão deve voltar a treinar no fim de maio. A ruptura no bíceps ocorreu antes da disputa de cinturão com Lawler, mas Hendricks sofreu mais uma lesão durante a luta, dessa vez na canela. Por enquanto, ele não comentou se precisará de algum tratamento específico para a região.

FOTO: UOL

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    37
  • 2 Grê
    31
  • 3 San
    27
  • 4 Fla
    15
  • 5 Spo
    24
  • Veja tabela completa