publicidade
Sandro Forner observa lance no jogo contra o Paraná: Coxa intranquilo no terço final

Sandro Forner observa lance no jogo contra o Paraná: Coxa intranquilo no terço final

Napoleão de Almeida
Colaboração para o UOL

O técnico Sandro Forner procurou justificar a terceira derrota seguida do Coritiba analisando o desempenho da equipe a partir da baixa produção no ataque. O time perdeu para o Goiás (1 a 0), para o Maringá, com os reservas (3 a 0) e agora para o Paraná Clube (2 a 0), novamente com os titulares.

Questionado sobre a baixa produção ofensiva, respondeu: "A gente precisa melhorar ali no último terço: fazer um passe melhor, ter um pouco mais de calma, finalizar melhor, ter um pouquinho mais de tranquilidade. Eu acredito que seja isso: nessa parte do campo, a gente conseguir fazer um pouco melhor."

Ele não concorda com as críticas de que o time não cria jogadas. "Se você não consegue chegar no último terço, aí você tem problemas. Agora se você consegue chegar com a quantidade de vezes como a gente chega, só que ali a gente não consegue fazer... se a gente não conseguisse chegar até lá, aí talvez, mudar o jeito de jogar, mudar a estrutura do time", disse Forner, que apontou um outro caminho: "Acho que é continuar insistindo nessa questão nossa do último terço. Muitas vezes a gente não está nem terminando a jogada."

Ainda sobre a pressão de três derrotas seguidas, Forner minimizou: "Acredito que a gente já passou momentos mais difíceis."

Foto: Comunicação CFC

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Pal
    59
  • 2 Int
    56
  • 3 Fla
    55
  • 4 São
    52
  • 5 Grê
    51
  • Veja tabela completa