publicidade
Com a conquista ela garante vaga para o Mundial da China

Com a conquista ela garante vaga para o Mundial da China

A brasileira Érica Sena confirmou o seu favoritismo e ganhou medalha de ouro nos 20 km do Sul-Americano de Marcha Atlética, em Sucúa, no Equador.

Ela fez o percurso em 1m30m22 e com a conquista garantiu vaga para o Mundial da Taicang, na China, entre 5 e 6 de maio.

Érica Sena vem crescendo muito, assim como a modalidade no país, e no Rio 2016 terminou na quarta colocação.

A medalha de prata ficou com e equatoriana Paola Bibiana e a de bronze com a peruana Kimberly Garcia. Outra duas brasileiras participaram da prova, Elianay Santana terminou em 11º lugar, seguida de Viviane Santana Lyra.

Nos 50 km feminino, a catarinense Nair da Rosa ficou com a medalha de bronze, com 4h38m48, melhorando o recorde brasileiro, que era dela mesma e atingindo o índice para o Mundial (4h39m00). A equatoriana Magaly Beatriz ganhou o ouro e estabeleceu o novo recorde sul-americano, com 4h19m43. Johanna Ordañez, também do Equador, ficou com a prata.

Nos 20 km masculino, o equatoriano Andrés Chocho, marido de Érica Sena, foi o campeão. Os brasileiros terminaram na 10ª colocação, com Moacir Zimmermann, 12º Lucas Mazzo, e 14º Max Batista Santos.

Nos 50 km, o ouro ficou com o colmbiano James Aurélio Rendon. O catarinense José Alessandro Bagio abandonou a competição.

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 São
    51
  • 2 Pal
    50
  • 3 Int
    50
  • 4 Fla
    48
  • 5 Grê
    47
  • Veja tabela completa