publicidade
Cruzeiro revive o sonho de repatriar Goulart e procura parceiros para bancar o retorno

Cruzeiro revive o sonho de repatriar Goulart e procura parceiros para bancar o retorno

Enrico Bruno e Thiago Fernandes
Do UOL, em Belo Horizonte

Temendo a saída de De Arrascaeta, o Cruzeiro cogita a possibilidade de repatriar Ricardo Goulart. O clube mineiro entrou em contato com pessoas ligadas ao atleta para saber como está a situação do jogador no Guangzhou Evergrande. A resposta, no entanto, não foi tão animadora como a cúpula esperava, e a diretoria corre atrás de um parceiro para viabilizar o negócio. A informação foi antecipada pelo site Superesportes e confirmada pelo UOL com duas pessoas ligadas ao assunto.

Hoje aos 27 anos, Goulart nunca deixou de ser lembrado pela torcida do Cruzeiro desde que deixou 2015, ano em que deixou a equipe para jogar no exterior. O sonho da diretoria celeste não é diferente e ressurgiu após Zé Rafael atuar pela sétima vez com o Bahia no Campeonato Brasileiro. A atual gestão acredita que o ex-cruzeirense é o nome ideal para substituir Arrascaeta, caso necessário.

Entretanto, após contatar Paulo Pitombeira, agente do jogador, o Cruzeiro descobriu que a situação financeira segue como principal entrave. Goulart recebe hoje salário mensal de cerca de R$ 1 milhão no Guangzhou, quantia considerava inviável para o clube pagar sozinho.

De acordo com uma pessoa próximo ao atleta, o Palmeiras seria o único clube brasileiro na atualidade com condições financeiras para repatriar Goulart. Na impossibilidade de tirar todos os eventuais custos do próprio bolso, o Cruzeiro corre atrás de algum parceiro para ajudar na negociação. O primeiro nome da lista a ser consultado é o de Pedro Lourenço, o Pedrinho dos Supermercados BH, antigo parceiro do clube.

Embora não tenha recebido nenhuma proposta oficial, Arrascaeta tem chances reais de deixar Minas Gerais. Antes de servir a seleção do Uruguai, o meia chegou até a ganhar um jantar de despedida dos companheiros de Cruzeiro. Dias antes do início da Copa do Mundo, o UOL confirmou a informação de que o Monaco é um dos interessados no atleta e já iniciou as conversar para tentar sua contratação.

Promessa de grande nome surgiu com desafio para a torcida

No início deste ano, o vice-presidente de futebol Itair Machado lançou o desafio para a torcida. Se o clube alcançasse 100 mil sócios, a diretoria traria para Minas uma das maiores contratações da história celeste. Na época, o dirigente comentou que este nome não seria Ricardo Goulart, apesar do interesse em repatriá-lo. Hoje o Cruzeiro conta com quase 79 mil adeptos e é o sétimo clube brasileiro com mais número de associados.

Foto: Alexandre Schneider/Getty Images (via UOL)

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Você também vai gostar

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    72
  • 2 Pal
    63
  • 3 San
    63
  • 4 Grê
    62
  • 5 Cru
    57
  • Veja tabela completa