publicidade
Kleber cumprirá 11 jogos de suspensão no total

Kleber cumprirá 11 jogos de suspensão no total

Por UOL Esporte

O Coritiba conseguiu reverter parcialmente a pena no STJD do atacante Kleber, suspenso inicialmente por 15 jogos. O clube informou que o jogador voltará a campo antes do previsto e enfrentará o Vitória no dia 28 de agosto, pela 22ª rodada. O tribunal converteu o restante da pena a doações a instituições de caridade.

"Pedido de conversão de pena foi aceito parcialmente e Kleber volta a jogar contra o Vitória. Mais informações em breve, no site oficial", informou o Coritiba em seu Twitter. Inicialmente o jogador voltaria no jogo contra o Bahia, na 26ª rodada.

Kleber cumprirá 11 jogos de suspensão no total, contanto a partida do final de semana contra o Santos, quando ainda não poderá entrar em campo.

O STJD explicou que as quatro partidas que faltariam para o cumprimento da punição foram convertidas a doações de R$ 160 mil a instituições de caridade. "As quatro partidas remanescentes, converto em pena pecuniária de R$ 40 mil cada, totalizando R$ 160 mil".

"A conversão da pena não é um salvo conduto ao atleta, tampouco uma absolvição, ele continua punido, sendo alterado apenas o modo do cumprimento da pena imposta. A conversão da penalidade imposta é um sistema alternativo de pena, é de caráter educativo pedagógico, coloca o infrator a praticar ato de ajuda e bondade a necessitados, fazendo-lhe refletir sobre o ato infracional que cometeu", explica o STJD.

Além disso, o tribunal, na figura do presidente da entidade Ronaldo Piacente, ressalta que o jogador é "réu primário". "A conversão de 30% do restante do cumprimento da pena em interesse social, não traz o atleta no status de absolvição, nem de impunidade, mas sim de sistema alternativo de pena, e poderá beneficiar entidades de caridade, crianças, idosos, necessitados entre outros".

Kleber foi denunciado pela procuradoria do STJD por agressão (artigo 254-A do CBJD – Código Brasileiro de Justiça Desportiva) e por cuspir em adversário (artigo 254-B). Cada infração prevê suspensão por até 12 jogos. Inicialmente ele pegou 9 jogos pela cusparada e 6 pela agressão totalizando 15 partidas.

A confusão aconteceu na partida de 14 de junho, contra o Bahia, pelo Brasileirão. Kleber se envolveu em três episódios de confusão. Com 10 minutos de jogo, acertou uma cotovelada em Zé Rafael, do Bahia, que não foi flagrada pela arbitragem. O lance foi dentro da área. Ele também discutiu com o volante Edson, do Tricolor. Depois, viria a agredir o mesmo Edson. Kleber recebeu uma cusparada de Edson e revidou no mesmo nível. Desta vez a arbitragem pegou a troca de agressões e expulsou os dois atletas.

Foto: Joka Madruga/Futura Press (retirada do portal UOL)

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2017

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Cor
    53
  • 2 Grê
    43
  • 3 San
    41
  • 4 Pal
    40
  • 5 Fla
    38
  • Veja tabela completa