publicidade
Jogadores de Bahia e Botafogo disputam a bola na Fonte Nova. Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Via UOL

Jogadores de Bahia e Botafogo disputam a bola na Fonte Nova. Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia/Via UOL

Em uma partida muito movimentada, Botafogo e Bahia empataram por 3 a 3 neste domingo (10), na Fonte Nova, em Salvador, em jogo válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time carioca, que atuou com um jogador a menos desde o fim do primeiro tempo, ficou três vezes à frente no placar, mas cedeu a igualdade.

Com o resultado, o Bahia continua em uma situação ruim na competição. Tem apenas nove pontos e está na penúltima colocação - foi a quarta partida seguida sem vitória. Já o Botafogo é o 12º na tabela, com 14 pontos.

Os gols do time visitante foram anotados por Kieza (ex-Bahia), duas vezes, e Léo Valencia, em uma bela cobrança de falta. Régis, Vinícius e Allione, nos acréscimos, garantiram o empate para a equipe da casa.

O gol de Kieza
Mesmo com o Bahia melhor, foi o Botafogo que abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo. Marcinho cruzou e Tiago deu um peixinho para tentar afastar o perigo de cabeça. No entanto, a bola ficou com Rodrigo Lindoso, que rolou para Kieza, livre de marcação, mandar para as redes. Imediatamente após balançar as redes, ele preferiu não comemorar. Depois, porém, foi até o banco para festejar com seus companheiros.

Jefferson brilha
O único lance perigoso do Botafogo no primeiro tempo foi, de fato, o gol. O Bahia dominou e criou as melhores chances, mas parou em excelentes defesas de Jefferson, que fez ao menos três grandes intervenções antes do intervalo - duas delas em chutes de Élber. Zé Rafael também não conseguiu passar pelo goleiro do time carioca, sufocado em campo.

De pênalti

O Bahia só conseguiu chegar ao empate nos acréscimos. O árbitro da partida viu Aguirre puxar Lucas Fonseca na área após um escanteio e marcou pênalti. O atacante foi expulso após receber o segundo cartão amarelo e deixou o Botafogo com um a menos em campo - o que fez os jogadores da equipe visitante reclamarem muito. Na cobrança da penalidade, Régis chutou forte e não deu chances para Jefferson.

Matador
Kieza estava sumido em campo, mas voltou a aparecer aos 5 minutos do segundo tempo. Assim como na etapa inicial, de maneira mortal. O jogador aproveitou um cruzamento da direita e, livre de marcação, cabeceou firme para as redes. Douglas ainda pulou, mas não conseguiu fazer a defesa.

O empate em uma falha
O Bahia parecia desanimado, mas conseguiu o empate aos 27 minutos da segunda etapa. A defesa dos visitantes falhou na saída de bola, Élber cruzou rasteiro e Vinícius chutou forte, de primeira, para as redes.

O gol da vitória. Ou não
Mesmo com um a menos em campo, o time carioca foi valente e conseguiu marcar o terceiro gol em uma bela cobrança de falta de Léo Valencia, no ângulo. Porém, no último lance da partida, Allione, que entrou no lugar de Régis, aproveitou um cruzamento e cabeceou para as redes para deixar tudo igual.

Agenda
Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo recebe o Atlético-PR, na quarta-feira (13), às 21h (de Brasília), enquanto o Bahia joga contra o Corinthians, na Fonte Nova, no mesmo dia, às 21h45. Esta será a última rodada antes da parada para Copa do Mundo da Rússia, que começa na próxima quinta-feira (14).

BAHIA 3 X 3 BOTAFOGO

Data/hora: 10/06/2018, às 16h (de Brasília)
Local: Fonte Nova, em Salvador (BA)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Auxiliares: Daniel Luis Marques (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Cartões amarelos: Régis (BA), Élber (BA), Lucas Fonseca (BA), Nino Paraíba (BA), Aguirre (BOT), Moisés (BOT) e Leo Valencia (BOT)
Cartão vermelho: Aguirre (BOT)
Gols: Kieza (BOT), aos 11 minutos do primeiro tempo, Régis (BA), aos 49 minutos do primeiro tempo, Kieza, aos cinco minutos do segundo tempo, Vinícius (BA), aos 27 minutos do segundo tempo, Leo Valencia (BOT), aos 38 minutos do segundo tempo, e Allione (BA), aos 48 minutos do segundo tempo.

Bahia
Douglas; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo Pelé; Gregore (Geovane Itinga), Elton (Vinícius), Régis (Allione) e Zé Rafael; Élber e Kayke.
Técnico: Cláudio Prates

Botafogo
Jefferson; Marcinho, Igor Rabello, Marcelo Benevenuto e Moisés; Rodrigo Lindoso (Marcelo), Matheus Fernandes e Léo Valencia; Rodrigo Pimpão (Luiz Fernando), Aguirre e Kieza (Brenner).
Técnico: Alberto Valentim

Compartilhe:
Imagem Nuvem de Notificações

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2018

  • Classificação
    Pontos
  • 1 São
    50
  • 2 Int
    49
  • 3 Pal
    47
  • 4 Fla
    45
  • 5 Grê
    44
  • Veja tabela completa